Regina Duarte convidada para a Secretaria de Cultura

Foto: Arquivo Google – Metrópole

Pronto, agora temos a mais nova fofoca da mídia: a atriz Regina Duarte foi convidada a ocupar o cargo na Secretaria da Cultura do governo, no lugar de Roberto Alvim.

Ela ainda não deu resposta ao presidente Bolsonaro, mas a turma do contra já está atirando pedras. Isso porque a ex-namoradinha do Brasil não se alinha com a esquerda.

A questão é simples: porque o fato está gerando tantas críticas?

Artista por artista, Gilberto Gil foi ministro da Cultura de Lula da Silva.

Qual é a diferença?

A ideologia.

Regina não é petista, psolista e demais partidos e sequer se sabe se tem vínculo partidário.

No entanto, já foi acusada de incapaz, sentenciada e executada nas redes sociais.

À essa altura ela deve estar pensando se vale a pena participar desse furdúncio.

Tudo o que ela fizer terá um lupa enorme em cima, até uma vírgula que esquecer.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *