9 de agosto de 2022
Junia Turra

Escândalo: O governo Merkel tenta eliminar Maduro

Imagem: Arquivo Google – DW

O governo alemão protestou veementemente nas.ultimas semanas contra a prisão de um venezuelano.
Só não contava que ele fosse colocado na mesma prisão que Billy Six, o jornalista alemão preso no ano passado pelo governo Maduro e que dona Merkel deixou mofar na prisão por meses, porque o mesmo não é ligado à esquerda.
O Venezuelano preso contou que ele e seu grupo usaram um drone para matar Maduro, mas o drone explodiu pouco antes do alvo.
Em represália, Maduro expulsou o embaixador alemão do país.
E, outro revés para o governo alemão de Merkel: Billy Six, deixado à própria sorte na prisão venezuelana, foi o único jornalista preso entre vários outros, cujo país não intercedeu pela libertação. Todos os demais foram liberados.
Os pais de Billy Six escreveram 700 cartas para todo o Parlamento alemão. Sem resposta. A embaixada nunca os atendeu. Nem o Ministério das Relações Exteriores de Merkel.
Até brasileiros iniciaram um abaixo-assinado pedindo a libertação do jornalista e denunciando o governo alemão.
Mas o AFD, Partido de Direita Alemã, através de um dos Parlamentares entrou em contato na semana passada com o ministro das Relações Exteriores de Putin que estava em Viena. E lá se encontrava também o Ministro das Relações Exteriores de Maduro. E assim, Billy Six foi solto.
O governo alemão foi pego de surpresa e tentou atravancar para ele não deixar o país.
A embaixada cobrou para fazer um novo passaporte. Nada foi oferecido a ele. Com muita fome, Billy pediu alguma coisa para comer e recebeu um prato com frutas. Tudo foi cobrado adiantado. Por sorte, ele tinha escondido algum dinheiro e pagou uma parte. O restante foi enviado em cobrança para os pais dele. Mas foram “gentis” e deram um brinde: uma barrinha de cereal.
Na saída para o aeroporto, a representante da embaixada alemã disse a ele que preferia estar na sacada da casa dela do que perdendo o precioso tempo indo acompanhá-lo ao aeroporto. A sequência de fatos causou indignação na própria Venezuela.
Responda: se o governo Merkel ligado a Obama, a Soros, aos árabes manda assassinar Maduro, logo Guaidó os representa?
Por isso, Trump não entrou de sola na Venezuela… Ou seja: sai Maduro como saiu o Bin Laden, que era o líder da Al Qaeda, mas não houve qualquer represália Islâmica após o assassinato dele.
A coisa é bem outra.
Dona Merkel deixa aquele outro do bigodinho no chinelo.
Imprensa orquestrada agora informa que o governo alemão soltou o jornalista.
Mas Billy Six vai processar o governo alemão.
Mesmo quando um criminoso é preso em outro país, a embaixada dá apoio ao cidadão. Billy nunca teve contato com os representantes do governo alemão até ser solto.
E agora, vão matar Billy Six?
Que tal ele nos contar tudo????
(Abaixo a chegada de Billy Six na Alemanha. O jornalista, com a saúde abalada, segue em acompanhamento médico no hospital e na casa dos pais)

author
Jornalista internacional, diretora de TV, atualmente atuando no exterior.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.