Cinema Show

Estamos dentro do script…
Somos os personagens de uma série que tem um roteiro traçado mas onde muitos personagens tem enfiado “cacos” e alterado capítulos.

Haja inspiração ou a total falta dela.

E pensar que alteraram ” Eyes Wide Shut” (De Olhos Bem Fechados),  filme do espetacular cineasta Stanley Kubrick, com roteiro baseado no romance “Traumnovelle”, de Arthur Schnitzler.  Kubrick mostrou o corte final do filme para o estúdio e morreu cinco dias depois disso.  Garantiram que ele ficasse com os “olhos bem fechados” pra sempre. E, claro, a versão que veio a público nada tinha a ver com o original.


A história é bem complicada, envolve morte e muito mais. Tom Cruise é o personagem principal e entra sem querer no esquema de um grupo nada angelical. O “penetra” é descoberto e acaba salvo por uma mulher linda, Nicole Kidman.  Qual o problema?  Realismo, humor sombrio – as características marcantes da genialidade do cineasta americano caíram como uma bomba na narrativa que ele atribuiu a obra.
Kubrick mostrou o que não devia: uma sociedade satanista.

Em que ano Kubrick concluiu o filme “Eyes Wide Shut”? Era 1999. E os satanistas, digo, os globalistas, abriam os tentáculos pelo planeta. No Brasil FHC implementava o esquema globalista. Um ano antes, em 1998, a Copa da França com uma  vitória pra lá de estranha dos donos da casa em cima da Seleção Brasileira  com aquele caso esdrúxulo do Ronaldo Nazário, jogou por terra protestos  dos franceses contra duras alterações nas leis trabalhistas.

Kubrick morreu e não viu o esquema das guerras desnecessárias no Oriente Médio, investimento em grupos terroristas, feminazi, pauta de gênero, o desmantelamento dos dois principais países da América Latina – Brasil e Argentina.

Não viu o atentado do 11 de Setembro, e a  pauta programada para controlar o planeta financiamento de terrorismo urbano com militantes fascistas que se denominam “Antifa”.

E uma pauta onde pegam casos isolados para dizer “What Matters” (o que importa).  Mas o que “really Matters” eles ignoram.

Um policial matou um homem negro com ficha criminal nos USA, mas os negros nos USA correspondem a 13% dos americanos.

E os dados mostram que os negros nos USA são responsáveis por mais de 50% dos homicídios no país e matam 10 vezes mais negros do que os brancos.

Uma mulher de mentalidade “Coroné nordestino”, num país de terceiro mundo que discrimina pela “classe social e a riqueza que ostenta” , ignora o filho da serviçal e a criança cai de uma varanda e morre.

Ela vai  presa? Vai ficar presa limpando cela e privada na delegacia?

E o macho no condomínio da elite que ofende a mulher, ameaça fisicamente, e ainda ofende a polícia, e na cara dos policiais fala alto ao telefone “liga para o secretário”. Na delegacia a mulher não registra a queixa, os policiais registram mas o que será que vai acontecer?

Os policiais serão punidos e transferidos para algum lugar no inferno.

E ainda tem um vírus criado em laboratório sem grande eficácia usado para derrubar as economias com o intuito de mudar o padrão econômico no planeta. Um grupo fica no topo dominando tudo e todos iguais embaixo chipados e controlados.

Não haverá distinção por raça. Seremos todos escravos. Viveremos de forma miserável no Planeta Terra enquanto os donos do mundo se divertem com atrocidades e brincadeiras para deixar o diabo impressionado. Ah, Satã!!!!

Tudo isso porque têm muitos se achando muito. E estão de “olhos bem fechados” para a realidade.

Haverá um tempo em que eles estarão em Uma “Odisseia no Espaço” e nós?

À espera de um Terminator, de um Highlander ou do ” Quinto Elemento”  para nos salvar.

(Os vídeos mostram  cenas do filme da vida real na Alemanha e nos Estados Unidos – com as legendas em cada um deles)

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *