21 de julho de 2024
Veículos

Estado do Rio vai voltar a ter autódromo

Futuro Autódromo de Itatiaia

Uma ótima notícia para quem curte motociclismo e automobilismo: o Estado do Rio vai voltar a ter um autódromo! Ele começará a ser construído em breve em um terreno de 770 mil metros quadrados em Itatiaia (acima), às margens da Rodovia Presidente Dutra, e seu projeto está sendo desenvolvido por empresas privadas com apoio do governo local e de federações de esporte motor. Vale lembrar que, desde 2012, quando o Autódromo de Jacarepaguá – então chamado Internacional Nelson Piquet (veja o traçado abaixo) – foi demolido, nosso estado não conta com uma pista homologada para competições de alto nível.

Traçado do antigo autódromo de Jacarepaguá

Concebido pelo tarimbado jornalista e motociclista João Mendes, o novo projeto prevê a construção de um complexo para o esporte motor, capaz de receber provas de kart, motos – incluindo cross –, e de automobilismo de categorias enquadradas no nível 3 da Federação Internacional de Automobilismo – FIA, como a Stock Car, a Porsche Cup e a Fórmula 4, além de provas de arrancada, track days e com caminhões, por exemplo.

A ideia é que o futuro complexo Itatiaia Motor Park sirva também para eventos de lançamento de novos modelos – há fábricas de automóveis na região, da Nissan, Citroën, Peugeot, Jaguar-Land Rover e VW Caminhões. Numa primeira fase, serão investidos R$ 25 milhões no empreendimento que, no total, tem um custo estimado de R$ 80 milhões. As obras, que estão previstas para começar ainda este mês, devem durar 18 meses até que as primeiras atividades possam ser promovidas.

Antigos Opalas da Stock Car
creative commons

Construir uma pista naquele local tem uma série de vantagens, a começar pela boa infraestrutura turística que já existe na região. Além disso, autódromos localizados fora dos grandes centros têm se tornado uma tendência, tanto pela maior oferta de espaços para sua construção, como pelo acesso, que não depende dos “humores” do trânsito urbano.

Segundo o descritivo a que tive acesso, tanto a construção quanto a operação do novo autódromo vão seguir rígidos parâmetros ambientais e princípios de sustentabilidade. Somando isso a uma pretensão bem mais realista que a dos últimos projetos desse tipo que a gente viu surgirem – e sumirem – nos últimos anos, a possibilidade de sucesso é consideravelmente maior. Fico na torcida.

Fonte: Blog Rebimboca

Henrique Koifman

Jornalista, blogueiro e motorista amador.

Jornalista, blogueiro e motorista amador.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *