Um post aqui, outro ali

Moralidade x arte

Quem me conhece sabe que não sou nem nunca fui moralista. Mas não posso apoiar depravação como arte. 14 anos de extrema esquerda no poder e a Arte agora é o artista. O artista narcisista, medíocre e exibicionista que considera performance arte suprema acima da lei. Para mim isso é terapia experimental, não Arte. Interna num manicômio.
Um homem nu num museu deitado no chão e sendo tocado por uma criança é crime. Fico feliz de saber que o vereador Fernando Holliday, negro e homossexual, vai denunciar esse tipo de depravação. Segundo Holliday, “Talvez seja comum para eles uma criança envolvida em performances do tipo, só que a sociedade brasileira não é obrigada a assistir espetáculos de natureza criminosa e continuar calada”.
Não gostou do que escrevi? Pode me retirar por favor de sua lista de amigos.
Porte de arma

Eu sou sou totalmente a favor do porte de armas, com exceção feita para pessoas submetidas a tratamento psiquiátrico ou com antecedentes criminais. Quanta à tragédia de Las Vegas, o número de mortos equivale a cerca de 1/3 do que se mata no Brasil POR DIA. E aqui o porte de arma é proibido. Não adianta querer tapar o sol com a peneira. No Brasil só os bandidos andam armados e estão livres para assaltar e matar, sem resistência. Chame a polícia para ver se ela vem. O cidadão brasileiro não tem direito à legítima defesa.
A esquerda e a previsão do tempo

Chove, mas a extrema esquerda determina que faz sol. E parte para a agressão se você abre o guarda-chuva , dizendo que o guarda-chuva é censura à liberdade de expressão meteorológica.
Mais do que nunca vamos procurar nos cercar de pessoas harmoniosas que quando discordam de alguém usam ideias para debater, não xingamentos e pseudo-ofensas, o que eu só posso lamentar.
As ilusões não estão entre as coisas que podem ser reencontradas uma vez perdidas. Não pode haver amizade sem respeito.
Estamos presenciando a decadência de uma civilização destruída pela extrema esquerda só pelo prazer de destruir. Sem nenhuma esperança de transformação para melhor no horizonte. O caos causado pelo ódio e pensamento totalitário de uma minoria corrupta e autoritária que só quer luxo, riqueza e prazeres. Tudo bancado com o dinheiro de quem se mata de trabalhar para pagar impostos e sustentar essa corja.
Mentiras, mentiras e só mentiras.
As flores que eu amo

O que me cansa atualmente nas postagens do Facebook é o patrulhamento e o efeito manada cobrado pelos politicamente corretos. Se você não comenta os atentados no mundo civilizado e a matança diária no Brasil, nenhum problema. Mas ai de você se não escreve um post sobre atentados na África. Imediatamente você é acusada de só se importar se morrem louros de olhos azuis e é taxada de racista.
Outra coisa que me incomoda é a substituição de argumentos por deboche e agressividade. A coisa mais fácil do mundo é achincalhar. Nem achincalham com originalidade e brilhantismo. Por isso quase não entro mais no Facebook. Só leio atualmente posts com análises que levam em consideração fatos e provas e ignoram fofocas marqueteiras difamatórias. Antes da esquerda tomar o poder as pessoas brilhantes tinham espaço na mídia. Agora escolhem a dedo os que atacam – com ou sem razão – os inimigos do projeto de poder do lula&dilma e sua corja de malfeitores, poupando-os. O fato é que lula está solto e Dilma também. Dois pesos e duas medidas.
Viva as minhas flores, que sempre me encantam.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *