1 de julho de 2022
Junia Turra

Ação e reação


Como afirma o governo chinês: fundamentalismo islâmico é doutrina de dominação e não religião. Na China não entram. E o que estamos vendo? A reação à ação islâmica.
Mas os bobões divulgam só esse lado porque é tudo que a mídia vai mostrar.
A mídia que informa que um dos casos de adolescente morta na Alemanha no período do Carnaval não foi por coitadinhos asilados, mas por um branco.
Mas e os outros? Foram mais de 200 entre 12 e 17 anos , mortas , estupradas com requintes de crueldade, cortes na genitália com objetos, desde garrafas a ferros quentes, torturadas ou desaparecidas, só no Carnaval? E os envolvidos? TODOS imigrantes Islâmicos.
Que tal falar a da máfia paquistanesa no Reino Unido, que atua há anos. Entre outras coisas, pega crianças nas creches, abusam delas o dia inteiro e devolvem. E ninguém pode falar nada.
O único que apresentou provas, foi processado pelo tal grupo e com pedido especial do prefeito paquistanês de Londres. Ah, antes de chegar para a audiência com as provas, ele tirou uma foto do Fórum. E foi preso por 3 meses por isso. E não vou contar as torturas…
E os 800 cristãos mortos barbaramente no último mês nos países islâmicos???
A mídia não divulgou.
A sua mídia que faz estardalhaço agora.
Ação e reação!!!
Aí entram na casa dos outros e impõem as suas regras e tentam dominar, tirar o que é do outro e aculturá-lo, e vê seu próprio governo usando o seu imposto, o seu esforço para pagar, por exemplo, 1200 Euros por cabeça na Alemanha, fora, casa, comida e roupa lavada para africanos ou iraquianos, afegãos, paquistaneses de 20 a 35 anos, islâmicos que não vieram de guerra alguma…
E lembrando que nem os asilados islâmicos que chegaram anteriormente querem essa gente porque também são vítimas deles, vc vai dizer o quê?
Curdos iraquianos, turcos, iranianos, africanos, que vivem na Europa e na Oceania são achacados por esses que chegam.
Mas vc não sabe da missa um terço…
Porque acredita na mídia que te engana.
Até quando vão deixar o bandido ser o mocinho?

author
Jornalista internacional, diretora de TV, atualmente atuando no exterior.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.