Aberta a temporada para arrumar  as malas!

Brazilian singer Anitta performs at the Rock in Rio Lisboa 2018 music festival in Lisbon, Portugal, on June 24, 2018. ( Photo by Pedro Fiúza/NurPhoto via Getty Images)

O Lula tá preso, enjaulado, mas você não. Se está descontente com o governo eleito democraticamente aproveite a liberdade de ir e vir e se manda pra Venezuela. Porque a paciência do povo está cada vez menor.
O legado de destruição e aparelhamento deixado por vocês é enorme e querem a esbórnia: gritar com policial, sexo, droga e consumo pleno.
Estudar, praticar esporte, ter disciplina, trabalhar duro não é com vocês não. Façamos moeda de troca: Venezuelanos que queiram contribuir com o governo e com o povo brasileiro, venham. Brasileiros apátridas, adelante y fuera! Adios!
Essa pataquada de “europeus” cretinos, já deu, amiga. Falta de informação, não? Os europeus como os brasileiros estão na mesma situação.
Entenda que A ESQUERDA MUNDIAL faz isso, não é você, eu ou europeu. Correto? É a turma do Soros, muitos JUDEUS americanos, muitos ÁRABES, muitos EUROPEUS, muitos BRASILEIROS.
Portanto, vamos nos colocar melhor. O Lula é brasileiro, a Merkel é alemã, o Macron francês: eles são da mesma turma. E vc não é da turma deles.
A questão da nacionalidade não tem nada a ver. E mais… Genghis Khan não entra na parada da colonização? E os hebreus, os romanos, os egípcios?  Ou no Brasil as tribos indígenas fumavam o cachimbo da paz e também não guerreavam. Esse discurso é o mesmo da Anitta, e de quem não tem argumento.
E tem muito mais… Leia a mídia alternativa ALEMÃ, FRANCESA, os ATIVISTAS. E inclusive a MÍDIA ALEMÃ saiu na contramão na própria censura imposta por MERKEL há um ano, em janeiro de 2018 e está DEFENDENDO o BOLSONARO. você leu? Não… Mas então… está falando o mesmo clichê da Anitta… Lamento.
E vamos lembrar no caso da mineração, quem mapeou o Brasil e suas riquezas, o pai do Eike Batista, ministro poderoso… O mapa da mina que entregou ao filho, o mesmo, preguiçoso, preferiu passar adiante e virou um laranjão dando bicotas na boquinha da Dilma e viajando para a Europa em aviões pilotados por militares do Exercito e da FAB que faziam um “bico”… A Vale do Rio Doce que entrou na privatização de Estado do FHC, tem como principais acionistas os fundos de pensão e sindicatos. Logo, a questão não é a nacionalidade. OU é?

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *