Paulo Guedes, você perdeu novamente. Peça para sair!

Bolsonaro apaga de vez o ex-Posto Ipiranga, e líder do Centrão passa a mandar no Orçamento

WILTON JUNIOR/ESTADAO CONTEÚDO

Paulo Guedes pensa em fazer as malas, finalmente. Tudo por causa do edital em que o presidente Jair Bolsonaro dá o poder sobre o Orçamento da União à Casa Civil, chefiada por Ciro Nogueira (PP-PI), um dos líderes do Centrão, junto com Arthur Lira (PP-AL), presidente da Câmara dos Deputados.

Bem que Guedes poderia ter mais fé e esperança, afinal Bolsonaro é um presidente que veta a si mesmo. Ele vetou o projeto aprovado pelo Congresso que permitiria a repactuação de débitos tributários para microempreendedores individuais e empresas do Simples Nacional. Arrependeu-se e quer que o Congresso derrube o veto.

Quem sabe não recuará da decisão de iluminar feericamente Nogueira e Lira em troca de apoio para se reeleger? O edital prevê que ações como remanejamento de verbas, alterações de despesas, abertura ou reabertura de créditos extraordinários e abertura de créditos especiais dependerão do aval de Nogueira.

O Orçamento de 2022 teve receitas superestimadas. O Ministério da Economia será obrigado a cortar gastos e remanejar recursos. A palavra final sempre foi de Guedes, que cedia às pressões de Bolsonaro. Não será mais. Auxiliares de Guedes dizem que o acordo ficou bom, porque ele não arcará sozinho com o desgaste de fazer isso.

Lorota, para disfarçar a perda de poder do ministro. A bem dizer, mais uma fatia do pouco poder que ainda lhe restava. O presidente da Caixa Econômica, Pedro Guimarães, está pronto, sempre esteve, para docemente constrangido assumir o lugar de Guedes, se essa for a escolha do seu mestre e senhor, Bolsonaro.

Por absoluta falta do que fazer, não por virtude, mas por tédio, o Guedes das reformas que não avançaram, da privatização que ficou pelo meio do caminho, do déficit público que resolveria em questão de dias, do calote no pagamento dos precatórios e da fortuna escondida em paraíso fiscal está meditando.

Fonte: Blog do Noblat

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *