20 de maio de 2024
Yvonne Dimanche

Mulheres feias


Queridos leitores, a minha primeira coluninha do ano (as outras foram escritas antes de eu tirar férias) para variar “falando” abobrinhas. Conheci algumas mulheres feias em toda minha vida, mas quatro delas com borogodó. Vejamos:
1) ANA – Descendente de alemães, cabelos louros, olhos azuis do tamanho da cabeça de um alfinete (vocês já sabem que eu sou exagerada), ombros largos, sem cintura, sem quadris, bunda seca, pernas finas, mas eu não sei o que a mulher tinha que quando ela aparecia por lá na minha casa, as vizinhas proibiam os seus maridos de nos visitar. Depois eu soube pela minha mãe que ela teve mil amantes, rs.
2) ESQUECI O NOME – Uma empregada gorda, sem ser obesa, com a bunda maior do mundo, coxão, peitão, cintura fina, mas com o rosto feio. Caramba! Mais uma vez a mulherada do meu prédio entrou em polvorosa.
3) NÃO VOU MENCIONAR O NOME – Colega/amiga minha que infelizmente não tem Facebook. Tudo nela era feio, com exceção dos olhos. Nariz, boca, cabelo, enfim tudo feio, mas quando ela sorria … A mulher tinha um charme que chegava a dar inveja, rs.
4) ESSA É DE LASCAR – A verdadeira Raimunda, feia de cara e bonita de bunda, rs. Só que tem algo que eu não sou muito chegada: cabelo miojo antes de ser cozido. Até aí tudo bem. No entanto, ela tem um namorido lindo, mas LINDO MESMO. Moreno, olhos verdes, charmosérrimo e o homem é apaixonado por ela ao ponto de fazer papel ridículo. Ele até já foi preso pela Lei Maria da Penha, por ter dado um pontapé na carro dela, presente dado por ele. Como se não bastasse, ela já o traiu diversas vezes na frente de amigos. Pensei que esse relacionamento tivesse terminado, mas soube hoje que o cara voltou para ela. O que será que ela tem que eu não tenho? KKK.
Pois é meninas mocinhas, todas nós temos algum tipo de beleza, então, como diz o um amigo meu, bola pra frente e vamos arrumar um jeito de descobrir o nosso charme, não?
Um lindo final de semana para todos e até o próximo Boletim.

O Boletim

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *