26 de maio de 2022
Uncategorized

Moraes precisa conter o ímpeto imperador


Há algumas semanas, a esposa do ministro Alexandre Moraes fez um banzé no aeroporto de Brasília, porque se recusou a passar pelo detector de metais. A moça teve um piti e jogou na cara da PF, do comandante e de quem quisesse ouvir que é mulher do ministro.
Por que cazzo ela não quis passar pelo detector ficará na conta do Abreu.
Uma semana depois foi a vez do próprio ministro se recusar a passar pela “raquete” e foi direto pro avião. A PF foi acionada e ele foi lembrado das regras dentro do avião, por um delegado da PF.
Ontem, fez um despacho grosseiro, mal educado e inconstitucional contra a decisão da procuradora geral da República, Raquel Dodge, que recomendou arquivamento da censura.
O ministro deve estar com problemas.
Primeiro de autoimagem; segundo de ordem oftalmológica.
Não está conseguindo ler as letras miúdas da Constituição.
Seria de bom alvitre que alguém com culhões reforçados chamassem o moço pra conversar. Só acho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.