Homeschooling: ensino doméstico


Só uma perguntinha: quem é que vai ensinar os alunos em domicílio? Ok, vamos à prática?
Dona Irene mora na Paraisópolis. Tem uma renda de R$ 2.000,00 como diarista, e sustenta sozinha dois filhos em idade escolar.
Ela sai de casa às 5h45 da matina e volta às 17h30. Dá um tapinha na casa, lava a roupa, passa a roupa do dia anterior, e vai preparar a comida.
O expediente dela acaba às 22h. Exausta. Ah, ela cursou até a 3ª série do ensino Básico.
Seu Camilo é um pequeno agricultor. Levanta às 3h30 da manhã e fica na roça até às 16hs. Chega em casa, janta cedo e cai na cama. Ah, ele sabe assinar o nome.
Segundo o brilhante projeto da ministra Damares Alves, os pais precisam apresentar projeto pedagógico.
Cena provável: uma assistente social vai à casa dos interessados, explica o que é projeto, depois explica o que é pedagógico, e vai embora.
Outro dia, uma pesquisa feita na Inglaterra, mostrou que o Brasil é o terceiro país mais ignorante do Planeta. Uns três anos de projeto de escola em casa pode nos colocar no pódio . huhuhu !!!

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *