23 de abril de 2024
Uncategorized

Aos prantos, de emoção


Eu fiquei tão emocionada, que mal consigo escrever essas mal traçadas. Há pouco, André Trigueiro, histriônico, ao vivo, com ares de quem ia anunciar o início da Terceira Guerra Mundial, registra a reunião de ex-ministros que estão discutindo a carta dos cientistas condenando as políticas ambientais do novo governo.
Entre eles, Rubens Ricúpero (aquele que disse “o que é bom a gente fala; o que é ruim a gente esconde”), Marina Silva (mãe do ICMBIO, um antro de corrupção e desvio de dinheiro público) e Zequinha Sarney (filho do oligarca José Sarney, um dos maiores latifundiários do país, que sempre C&A pro Meio Ambiente).

Todos eles conseguiram acabar com o desmatamento na Amazônia, que começou desvairadamente quando Jair Bolsonaro tomou posse.
Deve ser muito duro mesmo ver sair pela janela U$ 1 bilhão (lê direito aí. Tô falando de um bilhão de DÓLARES, talquei?) de um fundo destinado à preservação ambiental. Dinheiro que até hoje bancou viagens nababescas, consultoras milionárias, e seminários que discutiam o sexo dos anjos, mas nunca, jamais em tempo algum ousaram mexer na corrupção que havia nos órgãos de preservação.
Como ousa esse ministro chinfrim, Ricardo Salles, falar em aplicar recursos da Amazônia em saneamento básico? Tá loko, meu? E os índios? Os 800 mil índios brasileiros precisam ser protegidos, poha!! Os 110 milhões de cidadãos que vivem com esgoto a céu aberto que se phodam! O que importa é a Amazônia, tendeu?
Os ex-ministros presentes têm todo direito de protestar, afinal, se colocaram frontalmente contra as obras de transposição do São Francisco, né mesmo? Porque sabiam que seria mais uma obra caça-níquel, fonte de corrupção, desvios e serviço mal feito. Fizeram passeata, pararam o país e quase conseguiram suspender aquela excrescência, né mesmo? Eu mesma fui em todas! SQN , em caixa alta e negrito.
Cambada de canalhas, por que nos tomam por tão idiotas? Talvez porque sejamos, mesmo. Afinal, permitimos, sem reação, que essa quadrilha se mantivesse no poder por tanto tempo.
#AndréTrigueiro, menos, fio, bem menos. Como lobista você é quase hilário. Mas é só ridículo mesmo.
O Boletim

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *