7 de julho de 2022
Colunistas Ligia Cruz

Sei que a turma do bateu levou vai ficar contra mim

Imagem: Google Imagens – Metrópoles – meramente ilustrativa

Eu nem deveria me pronunciar sobre um assunto banal como esse, mas li tanta coisa hoje, sobre a atitude do Will Smith na mídia, que parei para pensar.

Não é de hoje que as piadinhas e piadistas dessa festa de premiação é uma fórmula desgastada. Nem todo mundo tem vocação para comediante. Aliás não gosto do gênero no cinema americano. Acho um porre.

Na minha modesta opinião faltou elegância e fair play ao vencedor do Oscar deste ano. Smith perdeu a chance de destruir com palavras o tal Chris.

Seria um exemplo de fato se, ao invés de sair do seu assento e dirigir-se ao palco para esbofetear o colega, ele dissesse alguma coisa em desabono à piadinha.

Até que ponto o mundo artístico conhecia as razões da calvície da mulher dele? Numa festa como essa de tudo se vê. De indumentárias de gosto duvidoso, homem com roupa de mulher, mulher com roupa de homem, maquiagens, cabelos exagerados e carecas também. Tem gosto para tudo no tapete vermelho.

Se o comediante sabia que a atriz tem alopecia, seria no mínimo inconveniente a piadinha. Mas, se não, ele seguiu o script de fazer chacota com os indicados como sempre e ponto.

E, convenhamos, no mundo das artes cênicas, mulher careca não deveria causar qualquer espanto.
A questão é que a calvície da mulher dele não é opcional, mas sintoma de uma doença. Quem sabia?

Faltou equilíbrio ao ator. Pediu desculpas à indústria, mas não ao colega que espancou. Coisa feia.

Se a gente partisse para cima dos outros por tudo o que nos dizem, o mundo seria uma pancadaria. As mulheres são vítimas de piadas de mau gosto desde sempre, de homens e mulheres também.

Portanto, não foi nenhum ato heroico, mas falta de compostura mesmo. A organização do evento deveria coibir o ato com punição para que o exemplo não se repita. Constrangedor.

Quanto a mim, tenho preocupações muito maiores. Me defendo melhor com as palavras.

Jornalista, editora e assessora de imprensa. Especializada em transporte, logística e administração de crises na comunicação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.