Lei Maria da Penha para Augusto Nunes?

Acho que não cabe.
Augusto Nunes não é Jó e muito menos Buda.
Todavia e cotovia, acho Verdevaldo merece a Lei Maria da Pemba. Não, pensando bem, não seria um castigo. Pelo contrário.
Eu quero mesmo é que Augusto entreviste o Toffoli ou o Gilmar Mendes! Pela ordem…
Ver Verdevaldo histérico, lembrou-me a história do vibrador. Conhecem? Tem até filme.
Posso estar enganado, mas parece-me que o vibrador foi inventado meio por acaso, como o Viagra.
O vibrador surgiu para combater o histerismo nas mulheres.
Ignorantes!
Era simplesmente falta de sexo, de gozo.
Os homens, idiotas como sempre, não sabiam o que perdiam. Satisfaziam-se, usavam, abusavam, lambuzavam e estavam nem aí para o prazer feminino.
Se bobear, a situação não mudou muito.
Mulheres e homens mal amados, literalmente, sobem paredes, beliscam azulejos.
Mas, naqueles tempos, os homens casavam com certinhas e gozavam com putas ou amantes. As mulheres sofriam e ficavam na mão ou nos dedos.
Às vezes, nem isso.
Por isso ficavam histéricas, com a pá virada e piravam.
Aí, chega o vibrador e resolve tudo, como eletrochoques no clitóris. Na vulva. Linda palavra!
E os vibradores ainda salvam muitas pátrias e lavouras.
Pois bem. Verdevaldo anda precisando de uns choques de gestão bem localizados.
Não é possível aquele histerismo, partindo para a violência. Física!
Sou totalmente contra toda e qualquer violência, mas entendo e endosso Augusto Nunes. Não há cristão de Coliseu que aguente esta gentalha, massa ignara, esquerdistas mal resolvidos. Rôla Já!
Amanhã, provavelmente, os jornais vão dizer que não era o Augusto Nunes, mas o Bolsonaro fantasiado de Augusto Nunes. Se não for Bolsonaro, vai sobrar pro Queiroz ou pro porteiro do Bolsonaro.
Fato é que, Jean Wyllys cospe e Verdevaldo engole. Porrada!
Depois dizem que a Direita é violenta e agressiva. Que a Direita cospe, engole, vomita e esfaqueia.
Ahhhhhhhhhhhhh Janot! Por que falhou?
Vá pro STF, Augusto Nunes, faça-nos mais este favor!
Fala mais, Eduardo Bolsonaro…
Enquanto isso, o Exército salva girafas na Amazônia e termina as obras do PT, com soldados ganhando R$ 25 reais por dia. Ou seria por quilômetro?
A felicidade é uma arma quente.
Ontem, revirando meu baú de espantos, achei a certidão de nascimento de Deus. Ele não é brasileiro, como eu desconfiava; nasceu na Finlândia, vizinho de Papai Noel, na Lapônia.

PS: Por isso eu pensava que todo mundo fosse filho de Papai Noel. Mas a maioria é filho da puta mesmo. Com todo respeito às putas, claro.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *