7 de julho de 2022
Uncategorized

Quando é difícil falar

Esses dias andei me perguntando.
Existem assuntos que parecem tão difíceis de serem tocados.
Principalmente com aquela pessoa que tem a ver com aquele assunto.

Uma das principais causas dos desarranjos familiares, das esquizofrenias sistêmicas, aquelas que identificamos que consistem na verdade no padrão de comportamento de uma família ou qualquer grupo humano, são os assuntos proibidos.
Proibidos de serem ditos com aquela pessoa ou aquelas.
E pior, aqueles  que não podemos nem pensar, que entramos em pânico.
Segredos, medos de desvendar o véu.
Medo de falar a verdade.
A mentira é uma das maiores causas de transtornos mentais.
Simples assim?
Pois é!
Simples assim.

A mentira nos coloca numa situação de fuga, do medo de ser descoberto.
Nos altera a circulação, o batimento cardíaco, nos deixa marcas no rosto.
E se adotamos o padrão de nos acostumarmos com ela, mais marcas virão.
Num eterno desarranjo desarmônico.
Causando os mais diversos transtornos físicos e mentais.
Quantas adolescentes escondem de seus pais o uso de entorpecentes…ou uma gravidez?
Quantos pais e mães escondem de seus filhos tantas verdades?
Quantos maridos e esposas vivem numa eterna dissimulação, pensando que isso não traz consequências.
Imaginem os filhos de pais dissimulados?
Os alunos de professores dissimulados?
O ato sexual de um casal dissimulado!
Enfim, acho que já deu pra entender.

O que não entendemos ainda é que com o tempo, com o amadurecimento, muitas vezes percebemos que não havia necessidade de mentir!
Quando penso em liberdade, penso em poder falar a verdade!
Não existe prisão maior que a mentira!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.