Simplicidade x Falta de Traquejo


Não “dilma”, Capitão!
Caro presidente, não confunda simplicidade com falta de traquejo. Se receber um amigo na sua casa e estiver com pressa, o café é improvisado. Do contrário, fazemos questão que ele se sinta bem recebido com uma mesa melhor preparada. Não é caserna!
Nunca nos quartéis das Forças Armadas, da Polícia Militar de qualquer Estado, nós jornalistas ou quaisquer visitantes anunciados fomos recebidos dessa forma. Porque no seu meio, militar, existem regras.
Portanto, receber o Conselheiro de Segurança dos Estados Unidos “pegando lá uma bananinha, um Danoninho, não denota simplicidade, corresponde a falta de cuidado, desmazelo… Falta de traquejo mesmo.
Inclusive tendo em vista a pauta a ser tratada. Não é seu filho passando para dar um “Oi, paizão!!”
Há um buffet para essas circunstâncias. Não precisa servir vinho de 8 mil a garrafa. Marisa, que já partiu, se esbaldava até com o cabeleireiro e ainda mandava a aeronave das Forças Armadas buscar e levar de volta o bonito ao ABC paulista.
Não se trata disso. Trata-se de “Boas Maneiras”. Detalhes que cabem a todo e qualquer chefe de Estado. Do país mais pobre ao mais rico. Não tente ” criar estilo” dessa forma. Você tem carisma pessoal e marca registrada.
Asiáticos por exemplo não se sentiriam bem com uma recepção dessas. Ainda que sorrissem e agradecessem. Muito menos altas patentes militares.
Há hierarquia e boas maneiras na pauta de todos os dias de um Presidente.
Esqueça as travessuras. Faça o seu papel e deixe que sirvam os doces de maneira adequada.
Peça ajuda ao Corpo Diplomático ou à sua mulher, a Primeira Dama.
Gente que confunde pompa com protocolo e boas maneiras com arrogância. Arrogante é o governante e o cidadão que “acham” que estão acima das regras, dos protocolos e das leis. Alguns confundem isso com “estilo”. Provamos isso ao longo da História do país. O estilo “Dilma” era aplaudido como “simplicidade” pelo grupo dela, e o outro lado da moeda não me parece diferente. Falta o café. Sirvam-se.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *