Globo demite

Imagem: Arquivo Google – Observatório da Televisão – UOL

Sem saco pra se pendurar, Globo manda funcionários pra rua

Enquanto o povaréu cansado de mentira vai demitindo a Rede Globo, a emissora também faz sua parte.

Ontem (19) ao menos 37 jornalistas foram mandados pra rua (literalmente) pela Globo.

Sabe-se que mais 40 serão desligadas do grupo até sexta.

Os demitidos são do Jornal O Globo e Extra, jornaleco pop do Rio de Janeiro.

A revista Galileu foi descontinuada, isto é, foi pro espaço.

A expectativa é sobre o destino da revista época, especializada em forjar matérias contra inimigos de seus patrões -leia-se Bolsonaro.

A época é a publicação principal deste distinto grupo que sempre viveu e sobreviveu de maracutaias junto a governos que tinham os sacos devidamente puxados por ela.

Como atualmente não conseguem mais fazer o escambo de ‘matérias favoráveis’ com publicidade federal trocada por ‘matérias’ bacaninhas, a coisa ficou preta.

Desta vez, para sua infelicidade, já não consegue se pendurar no saco do governante -prática de décadas- e empurrar dívidas com a barriga.

Lamenta-se, claro, a demissão de profissionais, seja de onde for.

Os bons serão recolocados rapidamente.

Quanto aos picaretas lambe-saco…bom, sempre podem assumir a profissão de jornaleiros.

Nada demais, é uma profissão honrada.

Fica a sensação de que falta não vão fazer, afinal…

Aliás, a Globo não faz falta mesmo.

Só, talvez… em padaria de bairro.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *