24 de abril de 2024
Colunistas Sylvia Belinky

Um vídeo para poucos e uma má notícia para muitos

Recebi um vídeo bastante assustador, daqueles que são veiculados no TIK TOK, aplicativo que está ameaçado de ser “banido” dos Estados Unidos, aparentemente porque a China está ganhando muito dinheiro com ele e se recusa a dividir…

Nele, há representações de momentos presentes, profundamente críticas, difíceis de serem vistas sem causar arrepios e mal-estar, principalmente por serem verdadeiras!

Uma amiga, que mora fora do país me mandou; ele apareceu exatamente no mesmo dia em que se soube do tratamento de câncer da princesa Kathe Middleton que, quer queira quer não, também gera um impacto negativo grande.

Ela é jovem, bonita, mãe de três filhos relativamente pequenos, motivos de sobra para lamentar, especialmente se lembrarmos que sua sogra também teve um destino muito triste, praticamente na mesma idade.

Comento com uma amiga que essa é mais uma prova de que o dinheiro ajuda muito, mas não conserta tudo, ao que ela me responde que câncer hoje é curável e “ela está em tratamento também porque tem dinheiro.”

Não pude deixar de pensar na imprensa e no quanto ela pressionou a moça por conta da foto publicada para “fazer de conta que está tudo bem”, no quanto escarafuncharam essa foto, mostrando que era uma montagem, na ausência absoluta de “privacy” que se tem hoje de forma geral e aquela família em particular…

Pensei também no quanto o tratamento de câncer ainda deixa a desejar, como ele me parece atrasado, suas mazelas, seus “efeitos colaterais”, que deixam à mostra tudo aquilo que se gostaria de ocultar: o mal-estar permanente, a dor, a calvície temporária…

Enfim, tive muita pena dessa linda mulher, elegante e invejada por 99% das mulheres do mundo e que tem que recorrer a uma fotomontagem para fazer de conta de que “está tudo bem no melhor dos mundos”!

Nesse sentido, eu diria que o mundo nunca foi melhor: sempre todos querem saber da vida do próximo para não ter que pensar na banalidade da própria e em como ela é “desbotada” – e de como isso é bom em um momento como esse…

Além disso, quanto assunto porque a notícia é ruim. Se fosse boa, não rolava!

Sylvia Marcia Belinky

Tradutora do inglês, do francês (juramentada), do italiano e do espanhol. Pelas origens, deveria ser também do russo e do alemão. Sou conciliadora no fórum de Pinheiros há mais de 12 anos e ajudo as pessoas a "falarem a mesma língua", traduzindo o que querem dizer: estranhamente, depois de se separarem ou brigarem, deixam de falar o mesmo idioma... Adoro essa atividade, que me transformou em uma pessoa muito melhor! Curto muito escrever: acho que isso é herança familiar... De resto, para mim, as pessoas sempre valem a pena - só não tenho a menor contemplação com a burrice!

Tradutora do inglês, do francês (juramentada), do italiano e do espanhol. Pelas origens, deveria ser também do russo e do alemão. Sou conciliadora no fórum de Pinheiros há mais de 12 anos e ajudo as pessoas a "falarem a mesma língua", traduzindo o que querem dizer: estranhamente, depois de se separarem ou brigarem, deixam de falar o mesmo idioma... Adoro essa atividade, que me transformou em uma pessoa muito melhor! Curto muito escrever: acho que isso é herança familiar... De resto, para mim, as pessoas sempre valem a pena - só não tenho a menor contemplação com a burrice!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *