28 de fevereiro de 2024
Colunistas Lucia Sweet

Viva São João!

Imagem: Google Imagens – YouTube – Taisa Alves

Hoje é um dos dias mais especiais do ano para mim: adoro festa de São João, bandeirinhas, pular fogueira, dançar quadrilha. Fazíamos vários ensaios para o grande dia. Olha a cobra! Todo mundo gritava. É mentira! Todo mundo ria. Tinha barraquinhas feitas de bambu para pescaria, tiro ao alvo, argolas para acertar o gargalo das garrafas e muitas prendas. Costumava ser o dia mais frio do ano.

Todos se fantasiavam de caipira: os meninos de bigode, costeleta e cavanhaque, chapéu de palha, camisa de madras com remendos e calça jeans e as meninas de Maria-chiquinha, batom e sardas, com vestidos muito bonitos. E tinha a capela, o casamento, o padre e os noivos. Tinha até prisão rsrsrs.

Passávamos alguns dias recortando e colando bandeirinhas de papel de seda. Até a cola nós fazíamos, com farinha de trigo e água que levávamos ao fogo para engrossar. E tinha fogos, estrelinhas e estalinhos.

Minha tia fazia balões, de todos os formatos, enormes. Balão estrela, balão charuto, balão pião, coloridos, lindos. Cada ano ela fazia um formato diferente. Alguém tinha de subir numa escada bem alta e segurava a ponta do balão para acendê-lo. A bucha era feita de saco de aniagem mergulhado em sebo de boi, que você fervia e derretia. Depois colocava álcool e acendia com uma vareta. Todos seguravam o balão, que se enchia de ar quente e, aos poucos, começava a flutuar. Só se soltava balão depois de chuva.

Com todo mundo batendo palmas e pulando o balão subia e ia embora pelos ares, enfeitando o céu. Que emoção eu sentia, quanta felicidade! Quando o fogo consumia a bucha, que se apagava lentamente, o balão caía bem longe e não queimava a mata. Bons tempos. Tinha cocada, pé de moleque, bolo de milho, canjica, cuscuz, quentão. Tudo uma delícia!!!

Hoje vai ter cuscuz e pé de moleque aqui em casa. Tem também bolo de laranja, feito com laranja da casa.

Eu nunca tomei, porque nunca tomei cachaça nem cerveja (não gosto sorry; também não gosto de quiabo, jiló, tango, guarânia, bolero etc. etc. etc.), mas vou dar a receita de um drink de São João que detona rsrsrs.

Receita de bebida de São João:

Chama-se Buscapé, bien à propos: 1 latinha de leite moça; meia latinha de cachaça; uma pitada de noz moscada; 1 pitada de canela. 🥂 Cheers!

Lucia Sweet

Jornalista, fotógrafa e tradutora.

Jornalista, fotógrafa e tradutora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *