400 anos sem ele

E Shakespeare continua vivo e cada vez mais atual… William Shakespeare, nascido em Stratford-upon-Avon num dia de abril de 1564 e em 23 de abril de 1616, na mesma Stratford-upon-Avon, aos 52 anos, foi passear em outras paragens.


Foi um desses humanos que contribuiu para dignificar a espécie e expor ao universo a beleza e a capacidade de criação que temos. Foi uma das maiores fontes de pesquisa de Freud que o admirava profundamente pela riqueza dos personagens e situações de uma densidade única. Shakespeare, a você, todas as reverências.

God Save William Shakespeare! And God Save the Queen!

Para os outros que acham isso ou acham aquilo, vamos de Shakespeare “Much ado About Nothing” (muito barulho por nada)

Abaixo frases de Shakespeare. Preste atenção: A maioria das frases é tirada de personagens criados por ele. Logo quem já leu, ou pelo menos viu filmes ou foi ao teatro assistir Romeu e Julieta, Muito Barulho Por Nada, Hamlet, Otelo, etc, vai reconhecer as falas e os personagens. Bom proveito!!!

A suspeita sempre persegue a consciência culpada; o ladrão vê em cada sombra um policial.

Aquele que gosta de ser adulado é digno do adulador.

Choramos ao nascer porque chegamos a este imenso cenário de dementes.

Assim que se olharam, amaram-se; assim que se amaram, suspiraram; assim que suspiraram, perguntaram-se um ao outro o motivo; assim que descobriram o motivo, procuraram o remédio.

Em tempo de paz convém ao homem serenidade e humildade; mas quando estoura a guerra deve agir como um tigre!

É mais fácil obter o que se deseja com um sorriso do que à ponta da espada.

Todo mundo é capaz de dominar uma dor, exceto quem a sente.

Ó beleza! Onde está tua verdade?

Os miseráveis não têm outro remédio a não ser a esperança.

Nossas dúvidas são traidoras e nos fazem perder o que, com frequência, poderíamos ganhar, por simples medo de arriscar.

O diabo pode citar as Escrituras quando isso lhe convém.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *