Após dois incêndios, GM convoca proprietários do novo Onix Plus para reparo

A General Motors acaba de divulgar uma nota, convocando os proprietários do Onix Plus modelo 2020 – como a versão Premier (ao lado) que testamos e sobre a qual postamos aqui na Rebimboca, hoje, mais cedo – para uma atualização do software de gerenciamento do motor (reproduzo a nota mais abaixo). O serviço será gratuito e estará disponível a partir dos próximos dia. Enquanto isso, a Chevrolet recomenda que os proprietários desses veículos os levem até uma concessionária da marca, que disponibilizará a todos eles um veículo reserva alugado.

Tudo isso acontece depois que foram registrados de dois casos de incêndio: um no próprio pátio da fábrica, em Gravataí, RS, outro no Maranhão. Segundo a montadora, o primeiro caso “foi um caso isolado, provocado por fator que não tinha relação com o projeto do veículo”. Também de acordo com a montadora, a falha que, em casos extremos, pode acarretar em incêndio, é assinalada por um alerta visual no painel do carro, indicando funcionamento incorreto do motor.

Confesso que levei um tremendo susto ao tomar conhecimento dessa história, justamente no dia em que havia programado o post e a estreia do vídeo com o test-drive do Onix Plus. Durante a semana que utilizei o carro, não notei nenhum tipo de defeito relacionado a esse problema e, até segunda ordem, mantenho as impressões que tive a seu respeito. Vamos à íntegra da General Motors:

“A General Motors tem como prioridade a segurança dos seus clientes. Por isso, informa que está prontamente convocando os proprietários do Onix Plus modelo 2020 entregues até então para atualização do software de gerenciamento do motor.

Em condições muito especificas e combinadas de pressão atmosférica, temperatura ambiente, umidade relativa do ar e composição do combustível o software de gerenciamento do motor pode, eventualmente, apresentar falha, com risco de danos ao motor e potencial incêndio, como no caso ocorrido na região Nordeste. Esta condição é precedida de um alerta visual no painel de instrumentos – a luz indicadora de funcionamento incorreto, referente ao motor, acende.

Os proprietários dos modelos envolvidos serão chamados a comparecer a uma concessionária Chevrolet para realizar de forma gratuita o serviço.

Destacamos que o incidente anterior, ocorrido no pátio da fábrica de Gravataí em setembro, foi um caso isolado provocado por um fator que não tinha relação com o projeto do veículo.”

Fonte: Blog Rebimboca

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *