Polêmicas e palmatória


Muito tempo atrás, alguns arautos vaticinavam a realidade – e passaram a contar com o ódio de boa parte do país. Senão, vejamos: “O povo brasileiro não sabe votar”. Sábias palavras de Edson Arantes do Nascimento, mais conhecido por Pelé, ainda nos anos da ditadura, em 1977. O povão achou que ele não tinha nada que abrir a boca, só devia jogar futebol e “não falar do que não sabe”. Entretanto, hoje, seria difícil alguém crucificá-lo por dizer a mais pura das verdades: vide nossa Câmara dos Deputados, nosso Senado…
Outra criatura que abriu a boca e também foi execrada, disse: “Todo povo tem o Frank Sinatra que merece; nós temos o Chacrinha!”. Ellis Regina, em uma tirada sarcástica, bem a seu gosto, que era uma pessoa sem papas na língua, polêmica e sabia tudo de música…
Vinicius de Moraes colocou em um de seus poemas, “As feias que me desculpem, mas beleza é fundamental”. Não há a menor dúvida de que se trata de uma frase ferina e impiedosa, mas não será fácil convencer alguém de que ela é mentirosa.
Mas, logo em seguida, surge uma outra, bem velha, buscando resgatar a dignidade de quem não aceita a primeira: “Beleza não se põe na mesa” – e outro malvado inteligente, Juca Chaves, responde: “É… mas eu não como no chão!”…
Outra personalidade extremamente antipatizada é Danuza Leão; socialite que foi poderosíssima em seu tempo, porque era bonita, extremamente culta e inteligente, irmã de Nara Leão, que conhecia todos os maiores nomes da época, de Vinícius de Morais a Di Cavalcanti de quem era, de fato, amiga.
Mulher divertida, irreverente que escreve incrivelmente bem e diz as coisas menos politicamente corretas com a maior cara dura. Acho que as pessoas têm o direito de dizer o que pensam desde que arquem com as consequências disso, e ela o faz…
Se tenho convicção, não gosto e não concordo, ótimo, mas deixo aos outros a escolha. Polarizados como ficamos, deixamos de poder discutir, o que traria mais luz às opiniões, seria enriquecedor – até porque, ninguém pode ser a palmatória do mundo.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *