30 de maio de 2024
Sylvia Belinky

Grammy X Catherine


Estranha época esta em que vivemos; nossa futura ministra do Trabalho, além de ter sido indicada por seu pai, mensaleiro, companheiro de farras e denunciante das falcatruas, tem dois processos trabalhistas nas costas por não registrar seus motoristas.
Seu suplente, Nelson Nahim, outro primor de conduta, já esteve preso porque gosta de sexo com menininhas menores de idade – a que ele escolheu tinha 12 anos. E daí? O que nós, o povo, temos com isso? Nada exatamente, e nosso presidente resolveu que será ela quem vai ocupar o cargo de Ministra do Trabalho: e ele banca tranquilamente o desgaste!
O diretor de trânsito de Minas Gerais tem 120 pontos em sua carteira de motorista e já ordenou um processo investigativo contra si mesmo. E não é para rir não, é pra valer, afinal, como eu ouvi quem o indicou na rádio: ele tem “reputação ilibada”!
A diretora de um presídio em uma cidade de Goiás foi presa porque estava facilitando a entrada de armas, celulares e tóxicos na cadeia, e está na cadeia para responder às acusações…
A Polícia denunciou três diretores da Caixa Econômica e recomendou expressamente que os vice-diretores fossem exonerados mas o presidente Temer vai precisar dos votos dos que estão mancomunados com Cunha e com Geddel – e é certo que esses vices estão – então ele resolveu deixar os vices onde estão mesmo… Preferiu não confiar no nosso Ministro da Soltura, Gilmar Mendes …
Mas, o assunto que mais “vingou” durante a semana foi o pessoal do Grammy ter ido de roupa preta por conta do “me too”.  Catherine Deneuve assinou um manifesto contra os exageros, diferenciando uma cantada de uma intimação para transar e todos ficaram irritadíssimos com ela!
Pessoalmente, acho que belíssima como sempre foi e dona do próprio nariz – teve uma  filha com Marcello Mastroianni sem se casar com ele, que já era casado, e isso  há mais de 40 anos,  quando uma atitude dessas  representava um escândalo – falou com absoluta propriedade!
A cantora Anitta, seguindo os passos de Madona, é um sucesso mundial com sua canção “Vai, Malandra” e certamente tem muitos méritos: é inteligente e sabe o que fazer para impressionar  o público de hoje.
Continuo achando que o Grammy não deveria ser o assunto mais importante e mais comentado em todas as mídias. Mas, assim como a Polícia que denunciou os vice-diretores da Caixa Econômica, sou “voto vencido”… eu e a Catherine Deneuve – pelo menos, estou em ótima companhia!…

Sylvia Marcia Belinky

Tradutora do inglês, do francês (juramentada), do italiano e do espanhol. Pelas origens, deveria ser também do russo e do alemão. Sou conciliadora no fórum de Pinheiros há mais de 12 anos e ajudo as pessoas a "falarem a mesma língua", traduzindo o que querem dizer: estranhamente, depois de se separarem ou brigarem, deixam de falar o mesmo idioma... Adoro essa atividade, que me transformou em uma pessoa muito melhor! Curto muito escrever: acho que isso é herança familiar... De resto, para mim, as pessoas sempre valem a pena - só não tenho a menor contemplação com a burrice!

Tradutora do inglês, do francês (juramentada), do italiano e do espanhol. Pelas origens, deveria ser também do russo e do alemão. Sou conciliadora no fórum de Pinheiros há mais de 12 anos e ajudo as pessoas a "falarem a mesma língua", traduzindo o que querem dizer: estranhamente, depois de se separarem ou brigarem, deixam de falar o mesmo idioma... Adoro essa atividade, que me transformou em uma pessoa muito melhor! Curto muito escrever: acho que isso é herança familiar... De resto, para mim, as pessoas sempre valem a pena - só não tenho a menor contemplação com a burrice!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *