18 de abril de 2024
Colunistas Ricardo Noblat

Prêmio Nobel de Economia dá razão a Lula no combate a juros altos

É preciso reformular o sistema tributário aumentando os impostos dos que podem pagar mais.

iStock

Escapou à atenção da mídia nacional a entrevista à BBC News Brasil do vencedor do Prêmio Nobel de Economia de 2001, o americano Joseph Stiglitz – ex-presidente do Conselho de Assessores Econômicos no governo Bill Clinton e ex-chefe do Banco Mundial.

Stiglitz disse que os governos de centro-esquerda gerem melhor a economia do que a direita e que Lula está certo em criticar o Banco Central por manter a taxa básica de juros do Brasil em 13,75% ao ano:

“Há um custo enorme em ter taxas de juros altas. Isso coloca o Brasil em desvantagem competitiva, estrangula as empresas brasileiras, enfraquece a economia do país. Então o presidente Lula está absolutamente correto em estar preocupado com essas questões”.

Para Stiglitz, “a política de elevar taxas de juros, que é a resposta normal para um excesso de demanda agregada, é inapropriada no contexto atual. E uma das coisas que eu argumento é que isso pode, na verdade, exacerbar as pressões inflacionárias”.

Sobre a reforma tributária que Lula irá propor ao Congresso:

“Obviamente é importante ter um sistema tributário eficiente e isso exige simplificação. Mas o que é ainda mais ou igualmente importante para o Brasil é reformular o sistema tributário para combater a desigualdade, tornando esse sistema mais progressivo [que arrecada mais de quem tem mais renda e patrimônio]”.

Fonte: Blog do Noblat

Ricardo Noblat

Jornalista, atualmente colunista de O Globo e do Estadão.

Jornalista, atualmente colunista de O Globo e do Estadão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *