Inveja dos americanos

Depois de passar a minha vida toda vendo filmes americanos, cheguei à conclusão de que eu sou uma pobre infeliz, rs. Vejamos:

1) O bandido está sendo perseguido por policiais. Aí um deles comenta “ele está indo para o leste”. Isso em plena Chicago, Boston ou até mesmo no centro do país. Eu só sei o que é leste por ter nascido e vivido em cidades do litoral. Se morasse em São Paulo ficaria perdida.

2) Aí a polícia foi chamada. Houve um crime hediondo. Em plena manhã ou até mesmo no meio-dia, os policiais são incapazes de acender a luz. Eles vasculham o imóvel, sempre escuro, com lanternas. OK, tudo bem, são policiais, mas todo americano já nasceu com uma lanterna na mão, já repararam? Onde eles enfiam essas lanternas no dia a dia?

3) Ninguém me ama, ninguém me quer. Nunca um capitão do time de futebol americano se apaixonou por mim quando estava no segundo grau. Ó Deus, como sou infeliz.

4) Quando era jovem e queria me divertir com amigos em um final de semana, nós íamos para a Região dos Lagos ou qualquer outro lugar ensolarado com trocentos outros jovens. Já os americanos preferem ir para uma casa assombrada no meio de uma floresta e o vizinho mais perto fica a trezentos quilômetros de distância. O primeiro a morrer assassinado geralmente é o negro amigo da galera, o mais simpático e prestativo.

5) Se vocês sofrem uma agressão qualquer e o rosto fica ensanguentado, o que vocês fariam? Bom, eu sei o que faria. Se não tivesse um pano qualquer ou até mesmo um de chão, eu levantaria a minha blusa e secaria o meu rosto, isso se não tivesse uma pia na casa assombrada.

Tem mais coisas, mas não vou cansá-los.😄😄😄😄

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *