“Não se discute. Cumpre-se!!!

Imagem: Google Imagens – Outras Palavras

Depois de dizer, como MINISTRO DA JUSTIÇA, que decisão do Supremo “não se discute, cumpre-se”, mesmo que a decisão cuspa na cara da Constituição e ainda lhe dê um tabefe, o Macunaíma que sempre blindou o PSDB na Lava Jato e ARQUIVOU o escândalo bilionário do Banestado, agora está começando a apresentar sintomas de “vitimismo”. E conta com o apoio desequilibrado da deputada descabelada, de altos e baixos. Um parque de diversão.

Enquanto isso, os caciques tucanos e seus aliados aflitos de esquerda estão brincando de Roda Gigante.

Uma roda gigante lenta, que depois de tentar emplacar o próprio “morno”, “Vandetta”, apresentador de programa de auditório na televisão, sem falar na Doriana e nos oferecidos tipo Peppa pig, que aproveitou o fique em casa para no mínimo emagrecer, Botafogo et caterva, nesse merry go round está de volta ao início e quer emplacar novamente o ex-herói.

Usaram o medo agora apelam para a compaixão. Quem tem pena? Aves: galinhas, patos, gansos, pavões, perus, jacus etc.

Essa gente perdeu o juízo. Só faltou combinar com o povo.

Ou será que confiam cegamente no poder infalível do sistema de votação eletrônico inventado pelo ditador comunista — e não de extrema “direita” (a piada do século) Hugo Chávez – e aperfeiçoado nas eleições americanas depois que o algoritmo não impediu vitórias indesejáveis em 2018.

Estamos mais para montanha russa do que roda gigante. Na falta do carnaval, temos opera buffa.

Il Opera dalla grande Buffa – Mozart Vs Mozart

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *