23 de fevereiro de 2024
Colunistas Lucia Sweet

O que o presidente falou e o que saiu na mídia parcial


O que disse o Presidente Bolsonaro: – Ela queria dar UM furo [jornalístico].
O que saiu na “Falha” de S. Paulo: ”Ela queria dar “O” furo!
Aí os perdedores dão todos os chiliques possíveis e imagináveis. As mesmas mulheres que adoravam quando eram chamadas de mulheres de “grelo duro” (desculpem a grosseria), viraram moralistas. Beatas de porta de Igreja do interior. Só rindo.
O ex-presidente condenado contou que estuprava cabras. Alguma comoção? Eu fiquei escandalizada para sempre.
Alguém se lembra do que o maior ladrão do mundo (não estou exagerando) disse sobre a Clara Ant, sua ex-secretária na Presidência da República, depois diretora do Instituto Lula e da empresa Nemala Assessoria em Planejamento Estratégico e Projetos, quando foi alvo da Operação Aletheia – 24ª fase da Operação Lava Jato?
Recordar é viver. Diz o lula-rápio, em conversa com a estocadora de vento, naquele momento presidentA do Brasil:
“ … foram na casa do Paulo Okamotto, foram na casa da Clara Ant, sabe? A Clara tava dormindo sozinha quando ENTROU (sic) 5 homens lá dentro, ela pensou que era presente de Deus, era a Polícia Federal, sabe? então… (risos)
Dilma: (risos) Ela pensou que era um presente de Deus? (risos)”.
Nem um pio da extrema imprensa, ”artistas”, OAB, feminazis et caterva.
Ele disse também: “Pelotas é a cidade polo, né? Exportadora de viados, né?”
E num comício na comunidade de Nova Santa Marta, berrou que os produtores rurais têm dois prazeres: “quando recebem o dinheiro e quando dão calote”.
Last but not least, ele também disse:
“Nós temos uma Suprema Corte totalmente acovardada, nós temos uma Superior Tribunal de Justiça totalmente acovardado, um Parlamento totalmente acovardado, somente nos últimos tempos é que o PT e o PC do B é que acordaram e começaram a brigar. Nós temos um presidente da Câmara fodido, um presidente do Senado fodido, não sei quanto (sem o ”s”) parlamentares ameaçados, e fica todo mundo no compasso de que vai acontecer um milagre e que vai todo mundo se salvar. Eu, sinceramente, tô assustado com a ‘República de Curitiba’. Porque a partir de um juiz de primeira instância, tudo pode acontecer nesse país.”
Poderia escrever um livro só sobre as coisas “edificantes” que eram ditas. O que prova que o que incomoda não é O que se diz, mas QUEM diz.
Mimizentos de plantão, vão amolar o boi, como se dizia antigamente. E eu falei em amolar o boi, não em estuprar o boi. Hoje em dia é preciso explicar.

Lucia Sweet

Jornalista, fotógrafa e tradutora.

Jornalista, fotógrafa e tradutora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *