24 de abril de 2024
Colunistas Junia Turra

“Nein”…

Os alemães não comem carne plastificada, e nem o lixo americano McDonald’s ou Starbucks.

E nem usam Zara, a marquinha ligada à mão de obra infantil.

Não são consumistas. Tem pouco e o melhor.

Você engole a informação formatada no sistema e divulgada pelos “formadores de opinião” que estão do “SEU LADO”. Eles fazem a diferença ou querem bombar e ganhar em cima?

Cuidado. Se você soubesse de certas coisas…

Carne de catálogo? Quem comerá isso na Alemanha?

O gueto Brasil? Vergonha alheia mesmo …

Ninguém tem obrigação de saber mas…

Na Alemanha:

Em cada esquina, a produção agrícola, o leite, o queijo, a carne ou a cerveja do local, com receita local, é o que a população consome. Assim na Suíça, assim na Áustria, assim na França e em Portugal…

Assim os mineiros do torresmo, café, queijo, broa, goiabada e doce de leite. Assim a Bahia com o azeite de dendê e toda uma culinária específica e o mesmo vale para o Norte, Nordeste, Sul, Sudeste, Centro-oeste.

Entenda:

A carne plastificada de catálogo que começa a bombar nas redes sociais de “A a Z”: Facebook , Instagram ou “X”, é mais uma “propaganda enganosa”.

Repeti a ladainha. Se precisar, eu desenho!

Repetindo de novo…

Os alemães não comem carne de catálogo. Você é do tipo que adora essas novidades? Se segura! Vá cozinhar um ovo…

No mundo germânico não se usa pedir comida ou qualquer coisa por tele-entrega.

Os alemães vão de bike, a pé, de ônibus ou de trem.

Nao confunda o c. com as calças.

Sinto pelos brasileiros que habitam as grandes metrópoles e os que vivem on line projetando um mundo virtual falso no compartilhamento.

Sao enganados e enganam os outros.

Junia Turra

Jornalista internacional, diretora de TV, atualmente atuando no exterior.

Jornalista internacional, diretora de TV, atualmente atuando no exterior.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *