Crianças tocando homem nu pela “arte”: depois a esquerda não entende o avanço de Bolsonaro!

A notícia foi uma das mais comentadas nas redes sociais ontem:
Começou a circular nas redes sociais na noite desta quinta-feira vários vídeos mostrando uma menina tocando um homem nu, com o pênis à mostra, durante uma performance artística. O homem em questão é Wagner Schwartz, que fazia a performance no evento de abertura da 35ª Mostra Panorama da Arte Brasileira, no Museu de Arte Moderna de São Paulo.
O coreógrafo Schwartz estava apresentando La Bête, performance em que ele se “torna um Bicho de Lygia Clark e pode ser manipulado pelo público”, segundo descrição do site do museu. “Schwartz manipula uma réplica de plástico de uma das esculturas da série Bichos (1960), de Lygia Clark. O objeto permite a articulação das diferentes partes do seu corpo através de suas dobradiças. O público será convidado a participar”, explica o site do próprio Schwartz.
A reação demonstra o abismo entre a turma da bolha “progressista” e o povo. Teve “liberal” que preferiu fazer troça: “Jesus em breve virá”. Comentava como se fosse a coisa mais escandalosa nisso tudo ficar escandalizado com crianças tocando num homem nu em nome da “arte”. É não se dar conta da agenda pervertida dos “progressistas”, que pretendem uma sexualização cada vez mais precoce e meter até pedofilia entre os crimes a serem suavizados, banalizados.
Vejam, por exemplo, o que escreveu a jornalista Rita Lisauskas, sendo sarcástica:

Já esse aqui achou o máximo as crianças poderem “brincar” com o corpo de um homem nu:

É como se fôssemos índios “inocentes” para essa turma. Só que se o sujeito colocar a cobra para fora no trem, ele é um estuprador. Se fizer isso no MAM, com crianças tocando nele, aí é “arte”, e quem fica chocado é reacionário nazista censurador. Só que a reação das pessoas decentes foi justamente a de revolta e choque. O MBL saiu em campo uma vez mais em repúdio ao ocorrido:

E o deputado Jair Bolsonaro também se manifestou:

Quem vocês acham que está mais em sintonia com o povo brasileiro, a jornalista “progressista” e o “liberal” brincalhão, ou o MBL e Bolsonaro? Por falar em Bolsonaro, eu mesmo cheguei a desabafar em meu Facebook, após uma brincadeira:

O tom do desabafo é forte, eu sei, mas reparem na quantidade de curtidas. Eu também estou em sintonia com a população, com a classe média, com os pais de famílias normais que não acham “fofo” colocar crianças para “brincar” com o corpo de um homem nu num museu, em nome da “arte”. As pessoas estão é revoltadas, escandalizadas, chocadas.
E quem conhece um pouco melhor a agenda “progressista”, sabe muito bem que há método nisso tudo, há uma meta final, que é a destruição de valores morais, da família tradicional, e da infância das crianças. Mas tem “liberal” confundindo liberalismo com libertinagem, o que é uma tremenda bobagem.
Já expliquei em vídeo como a esquerda caviar ajudou a parir a candidatura competitiva de Jair Bolsonaro. O vídeo teve centenas de milhares de visualizações, pois toca na ferida. Cada vez que a GNT people apronta uma dessas, são mais alguns milhares de votos para o capitão patriota. Se continuar assim, Bolsonaro vence no primeiro turno, enquanto a patota alienada ficará coçando o queixo, perplexa, e bastante histérica, claro…
Fonte: Gazeta do Povo

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *