20 de maio de 2024
Junia Turra

Obama: péssimo administrador e perdedor


É o seguinte, vamos ao resumo da ópera: A CNN, a Globo, a GloboNews, a Veja, a mídia que você consulta já te mostrou o balanço do governo Obama? NÃO! Porque na mídia séria europeia há análises constantes. Então, Obama é um perdedor.
PERDEDOR! Péssimo articulador político, um desastre na nomeação ministerial, estrategista patético, e na administração do país, um fracasso. Enfiou os Estados Unidos da América num buraco que haja negociata com Guerra e asilado para levantar a coisa. Dívida estratosférica. Então, coleguinhas, especialmente da imprensa: Obama é carismático, sentirei saudades da elegância da Michelle.
Sinceramente, menos! Sentimentalismo e drama hollywoodiano pode dar uma excelente matéria, um texto bem interessante, mas não se esqueçam que a Política, a Economia também precisam ser analisadas com os fatos existentes e com a informação correta.
O que você acha pessoalmente, se assina coluna, problema seu, do contrario, use as fontes corretas, leia, se informe.
O maior cabo eleitoral de Trump foi Obama. Um despreparado arrogante. Como diz o ditado popular: quem nunca comeu melado quando come se lambuza. Dá próxima vez lembre-se que o critério primordial para se eleger um representante do povo não é ser o primeiro negro, a primeira mulher, nem ser negro ou mulher, nem ser verde, gay, portador de deficiência. O primeiro negro, o primeiro africano a governar os Estados Unidos (sim, ele nasceu no Quênia), provocou um colapso político e econômico nos USA e essa bagunça toda mundial deve-se a um desordeiro que não tinha capacidade para ser Chefe de Estado e muito menos de um país da ordem dos Estados Unidos. Bush Jr e Obama são diferentes fisicamente, mas muito parecidos. Só que o segundo conseguiu suplantar o primeiro.
Conhecemos bem essa história. Resta saber onde dar o start: no descobrimento? Capitanias Hereditárias? Fim da Monarquia? Nos primeiros anos da República? Ou com o Golpe Militar? Pós-Militar? Mas vamos nos ater ao mais recente.

Que tal FHC-Lula-Dilma? Acabaram com um país… Os USA com Bush Jr, Obama e vamos ver o que o primeiro presidente com topete cor laranja vai fazer, ainda que eu aposte todas as minhas fichas que o eleitor americano dessa vez não votou por esse motivo, que, aliás, nem foi usado como “peça de Propaganda”. Foi um voto consciente, ouvindo o alerta do diretor do FBI, que apesar das pressões internas, especialmente do próprio Presidente Obama, foi a público apontar os crimes de Hillary. Pena que ela não está na cadeia. Deveria. Ela e o aliciador de jovens para boquete enquanto presidente da República.
Quem não sabe administrar o negócio uma hora ou outra cai em desgraça e vai à falência. O problema é que leva muita gente inocente para o buraco.

Junia Turra

Jornalista internacional, diretora de TV, atualmente atuando no exterior.

Jornalista internacional, diretora de TV, atualmente atuando no exterior.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *