Uma história triste

ovo-frito-545x306
Queridos leitores. por conta de um caso que eu soube recentemente, me lembrei de contar uma história triste. Eu ainda morava no Rio, mais precisamente na Praia do Flamengo e optei por fazer uma corrida de táxi por um percurso maior, Sim, eu nunca me cansarei do Aterro do Flamengo, principalmente na pista da Praia de Botafogo que, para mim, é o local mais lindo do Rio.
Estávamos eu e o taxista, quando uma menina saiu do lado esquerdo de uma pista de ALTÍSSIMA velocidade de BICICLETA para chegar do lado direito. A sorte é que isso aconteceu por volta das 3h da tarde e deu tempo de todo mundo frear.
Depois de um monte de  palavrões, eis que todo mundo voltou ao normal, menos o motorista do táxi onde eu estava. Ele parou, chorou horrores e pediu um tempo para continuar a corrida, acrescentou que não me cobraria nada.
Disse ele: senhora, a minha mulher está com câncer. Hoje a minha filha chegou em casa na hora do almoço e perguntou o que tinha de comer. A minha mulher, sabe Deus como, conseguiu fazer um macarrão com carne moída. A minha filha disse: só tem essa MERDA para comer? Senhora, eu não aguentei, dei uma surra nela. Nunca bati na minha filha, mas hoje ela mereceu, mas ainda assim não me sinto feliz.
Gente, mais vale a pior comida da vida de uma mãe ainda viva do que ter de lembrar com saudade de até mesmo um ovo frito.
Um lindo final de semana para todos e até o próximo Boletim.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *