Pano pra manga


Assuntos que deram o que falar nessa semana: a declaração do General Mourão, o pedido da defesa de Lula para que ele continue preso (OI?), a briga do candidato por um lugar ao sol, ou melhor, aos holofotes, e lá fora, mais trumpices, pra não deixar passar a semana em branco.
RACISMO?
O recém “adquirido” vice do candidato Jair Bolsonaro, já deu uma de Ofélia, aquela que só abria a boca quando tinha certeza (e lá vinha bomba). Em sua primeira aparição pública como vice, Mourão declarou que o país ainda vive o complexo do vira-lata e que por isso estamos nesse caos político, econômico e psicossocial. E numa espécie de samba do crioulo doido, diz que pagamos pelos pecados deixados pelas nossas heranças culturais. Os que gostam de privilégios, segundo ele, carregam uma herança ibérica. Já a indolência, vem dos índios e a malandragem, dos negros.
Claro que todo mundo caiu de pau em cima do general, menos os bolsonaristas que tentaram explicar o inexplicável, e o próprio Bolsonaro, que tentou remendar o soneto: “o que é a indolência? É a capacidade de perdoar? Veja aí no dicionário. É a capacidade de perdoar? O índio perdoa. Não é isso? Que mais? Malandragem. Esperteza. É a mesma coisa. É isso?”
Isso é que é ser “indolente” com seu vice, seu Jair. O resto é “esperteza” pura!
LULA LÁ!
Todos os quase 150 pedidos de soltura enviados pela defesa do Lula até agora, foram varridos para debaixo do tapete pelo próprio PT, nessa semana.
Por quê? É simples: na cabeça petista, se o Supremo resolvesse julgar o Habeas Corpus junto com a inelegibilidade do meliante, digo, do candidato, corriam o risco de perder a parada, já que o STF é a última instância. Preferiram, então, esperar pela decisão do TSE, e assim manter a farsa da candidatura por mais um tempinho.
Só queria saber se aquela meia dúzia de emeessetes que resolveram fazer greve de fome pra pressionar o Supremo Tribunal Federal (fica chato rir disso aqui?), já voltaram a se entupir de mortadela.
DEBATE
O PT mais uma vez apareceu com uma bizarrice do tamanho de um bonde, nesse último dia 6, quando entrou com uma ação no TRF-4 pedindo que o prisioneiro Lula da Silva pudesse participar do debate entre os presidenciáveis apresentado pela Band, na quinta, dia 9 de agosto. (Pergunto de novo: fica chato rir disso aqui?)
Como não conseguiram, pediram pra deixar um espaço vazio na plateia para lembrar que Lula foi impedido de comparecer. Petulância? Ignorância? Insanidade? Burrice? Delirium Tremens? Sei lá, que nome se dá a isso!
TRUMPICES
E para mostrar que sandices não são proferidas só no Brasil, Donald Trump tascou lá no seu Twitter, domingo passado, que os incêndios incontroláveis que já mataram, pelo menos, uma dezena de pessoas, na Califórnia estão sendo agravados pelas “más leis ambientais”. (Tirando assim, o seu da reta na questão Acordo de Paris).
Quer dizer que condições climáticas como calor excessivo, mato seco e ventos fortes não têm nada a ver com isso então, Mr. Trump?
Ok! We understand! (Como é mesmo que se diz Só Que Não, em inglês?).
PS: O outro assunto que está dando muito pano pra manga (no caso, pra toga), é o autoaumento de salários dos ministros do STF. Mas preferi não comentar essa filhadaputice para preservar os estômagos dos meus leitores e o meu próprio!

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *