Sommelier, Escanção

Figura 1
Aprender sobre vinhos conhecendo a etimologia dos termos mais usados neste universo é uma das interessantes formas de se tornar um conhecedor respeitado. Sommelier ou Escanção significam a mesma coisa.
O termo francês é o mais usado em todo o mundo. Qualquer bom dicionário vai explicar o seu significado:
– Um profissional especializado, encarregado em conhecer os vinhos e de todos os assuntos relacionados ao serviço deste.
Na França medieval, os nobres encarregavam uma pessoa para cuidar dos bens que seriam transportados numa viagem. Esta pessoa era o Sommelier.
Este nome deriva de “somier” ou besta de carga. Quem a manejava seria o “sommerier” que tinha, além do animal, as cargas sob sua responsabilidade. A palavra evoluiu naturalmente para “soumelier” e o seu significado passou a designar a pessoa responsável pelo transporte dos suprimentos. Com o passar dos anos uma nova modificação aparece na língua francesa surgindo o termo atual, “sommelier”, como sendo a pessoa encarregada de um tipo específico de carga.
Durante muitos anos coexistiram diversos tipos de Sommelier, de vinhos, de armas, de pães, etc… Com o tempo, o título ficou restrito a quem cuidava das bebidas e ás vezes dos charutos, o que é aceito até hoje.
Em diversos países se emprega o termo francês, inclusive no Brasil. Em Portugal preferem usar Escanção, que tem outra origem.
Alguns autores afirmam que este termo deriva da palavra gótica “skankja” que significaria “copeiro”.
Outra corrente recorre ao Latim, sugerindo que Escanção deriva de Scancio, o personagem que escancionava (repartir, dividir) vinhos na Roma antiga.
Em Portugal, este mesmo termo é empregado para designar, também, um profissional especializado, encarregado em conhecer as linguiças e cuidar da compra, armazenamento e rotação de porcos.
Curiosamente algumas confrarias francesas empregam “Echanson” para indicar o encarregado de provar e servir as bebidas. Na idade média este cargo era entregue a um oficial da corte, de total confiança do Rei. Só ele poderia lhe servir o vinho, garantindo que não estaria envenenado.
A profissão de Sommelier ou Escanção mudou muito ao longo dos anos. Já não é mais o copeiro especializado em bebidas de antigamente, evoluindo para uma profissão reconhecida e com múltiplas funções no mundo moderno, incluindo a escolha dos vinhos a serem comprados, elaboração de cartas de vinhos e harmonizações.
Ainda hoje, nas terras lusitanas, se discute qual termo deveria ser empregado. Acho que o uso de Escanção demonstra que não só os vinhos portugueses têm personalidade forte e marcante, mas toda a cadeia gastronômica também. Adotar o galicismo seria um retrocesso.
Portugal é o único país do mundo que homenageia seus Escanções, com uma bela estátua na Vila de Nelas, no Dão, inspirada na figura do profissional Fernando Ferramentas, que na época trabalhava no Hotel Aviz, em Lisboa.Figura 2
Precisa mais?
Saúde e bons vinhos!
Vinho da semana: para comemorar o Dia dos Namorados
Vinho
 
Nero D’Avola di Sicilia IGT Lazzarelo – $
 
Nero d’Avola é a mais importante uva de vinho tinto na Sicília.
Seus vinhos são comparados aos Syrahs do novo mundo, com taninos doces e nuances de ameixa ou sabores apimentados na boca.
Harmoniza com carnes e massas com molho vermelho.
 
LEGENDA PARA O PREÇO DOS VINHOS INDICADOS
$ – R$80,00
$$ – R$160,00
$$$ – acima de R$160,00

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *