Uma crônica que escrevi já faz algum tempo

Aí vai! “Preciso contar para vocês que realizei um velho desejo!

Mas não pensem bobagens e nem em coisas mirabolantes!

É que me dei de presente uma máquina manual de fazer massas, dessas bem simples.

Fiz um curso sobre como fazer as massas e molhos caseiros. E usei pela primeira vez “a minha boneca” como foi apelidada pela minha irmã.

É que tenho o maior dengo por ela. Usei, limpei e guardei, e ainda coloquei no plástico, como fazia com minhas bonecas.

Fiz a massa, achei que ficou boa, tudo certo e foi mais fácil que imaginava, desde o fettuccine até o molho de tomate do jeito da “zia nonna”.

Me lembrei tanto da dona Maria Guzzanatto que fazia esse molho italiano e suas massas deliciosas.

Imagem meramente ilustrativa

Eu era criança e almoçava sempre lá, na casa dessa querida vizinha. O sabor é diferente de todos os molhos que já fiz na vida. Sempre quis aprender e fazer essas massas e molhos caseiras.

E consegui fazer a coisa que achava impossível fazer!

Minha irmã veio me visitar e ficou comigo vendo todo o processo culinário, e pela expressão do rosto dela, imaginei que isso seria a ultima coisa que ela compraria!!!!

Como ela é mais pragmática e já tem seus fornecedores com tudo já pronto… Mas ela experimentou e aprovou.Viva eu e viva a minha nova Boneca!
Comi dois pratos cheios do meu primeiro fettuccine al sugo.

” A primeira massa, a gente nunca esquece” !!!

Ainda sobrou e com certeza amanhã tem mais.

Servidos? Boa noite! Ah, quem quiser a receita eu envio..

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *