Ou vai ou racha

Extra – Extra – Extra !!!
Dos filhos deste solo és mãe gentil, Pátria Mamada, Brasil!!!
Destaque na mídia on line:
“Polícia prende suspeitos de ataques virtuais em Taís Araújo”. Em?… Quer dizer, “Hein?????”

FB_IMG_1458324026098
E o ataque real foi EM quem, hein?
Engole a notícia do dia, povo lindo , de verde amarelo… A Casa Civil? Digo… A Casa Caiu?
Pergunta que não quer calar: quando caiu o presidente da Ucrânia alguém foi ao salão de beleza ou exigiu as cores da bandeira? Alguém ficou preocupado com  selfie e  postando em rede social?
Teve dancinha na beira da praia?
Alguém estava ali caminhando e cantando e seguindo a canção?
Isso, pra não dizer que não falei das flores, né?
O povo ucraniano ocupou a praça em Kiev, marcou território, fincou o pé.
Unha quebrada? Roupitcha rasgada?  Fazer tipo pra curar carência afetiva, baixa autoestima, e disputa com a vizinha?
Não. Quem sabe o que é uma ditadura, quem sabe o que é ter direitos cerceados, ser humilhado e perder a voz, a vez, a cidadania, não faz tipo. Se apresenta para o que vier. Para o que der e vier. Ah, mas e a violência? “Senti uma coisa estranha. Melhor não ir… ” É assim? Certas coisas não se questionam. Faz parte da luta. Não se conquista nada fazendo pose. Sim, apanhar, bater, matar, morrer. É tudo ou nada!
Não se trata de conclamar a violência ! Ah, brasileiro é povo pacífico.  Está de mimimi? Então… Mu-mu-mu… A vaquinha vai para o brejo e para o abate.
Frio de lascar e os ucranianos não arredaram pé. Não tomaram banho, não se preocuparam com o desodorante vencido. Pra sair bem na foto de cidadão, povo, nação, a performance é outra.
Gente que vai pra rua pra ver se a moeda estrangeira tem um câmbio melhor para ir ao outlet mais próximo ou pagar aquela excursão em mil vezes sem juros?
Quantos foram à luta? O Centro Acadêmico XI de Agosto , Largo São Francisco, São Paulo , tinha uma frase interessante: Vamos à Luta Filhos da Pátria…
Porque de filhos da Puta o país anda cheio…
Que tal uma greve geral. Deixe o selfie de lado. Vai pra rua, hein? Muda o país, HEIN?
Para de ficar brincando de xadrez fora do tabuleiro. Tem um bando de pombos, isso sim.
Xadrez exige estratégia e ação.
Até virar a mesa… E a unha, o salão, a selfie, a palavra de ordem virtual.
Viva na sua pátria verde-amarela virtual. Lutar por ela na prática é outro departamento. Leva a empregada, a faxineira junto. Desce do pedestal. Falta tempero até pra ser coxinha.
Fica aí no mundinho blindado das redes sociais compartilhando a sua ira. Chora on line enquanto o rio de lama vai baixando o nível, digo, subindooooooooo,  até afogar: é pra você aprender .
Vivendo e aprendendo a jogar… Canta aí, Elis: vivendo e aprendendo a jogar, nem sempre ganhando, nem sempre perdendo, mas aprendendo a jogar.
Ah, se a Dilma é burra… imagina você! Buuuuu…
Dos filhos deste solo és mãe servil, Pátria mimada, Brasil!
Gooooool da Alemanha e o jogo nem começou , HEIN?

FB_IMG_1457918317993
IMG_20160316_103809

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *