Islâmico é mandado para o espaço


Um dos mais sérios jornais do mundo, o alemão “Die Welt”, abriu no Instagram a manchete: “o Primeiro Islâmico no Espaço”. Mas a turma não curtiu.
Não é só a imprensa Brasileira que está on the left e aparelhada. É por todo o planeta.
Especialmente na Alemanha, onde a esquerda passou a emplacar manchetes e suprimir os fatos e artigos de grandes jornalistas e da “Inteligenzia” de grandes especialistas.
Como? Há um ano e meio, Angela Merkel baixou lei de censura no país.
E tudo o que entrar, inclusive na mídia alternativa, se for contra a Globalização, a Biodiversidade, se falar de crimes cometidos por Islâmicos, os “adeliozinhos”, leva um block.
Vale lembrar que os alemães, assim como os ingleses, são obrigados a pagar todo mês pela TV e Rádio (tudo público), ainda que não use.
É a Netflix Stasi-Stalin !
As séries produzidas pelos alemães e nas parcerias com ingleses e franceses são realmente espetaculares. Os programas esportivos e de entretenimento, idem, mas quando começam noticiários e aqueles “Globo Repórter” ou “Fantástico”, tudo é manipulado – Circo dos Horrores.
A diferença é que muitos percebem a manipulação de fotos, de vídeos e o discurso tosco sobre a Amazônia, Bolsonaro, e etc.
Mas quem são os que percebem?
Especialmente aqueles que já viveram sob os regimes comunistas e estão na faixa dos 40 anos ou são filhos dessa geração.
E aqueles que são os pais da geração dos 40 e que viveram os tempos do nazismo.
Não é à toa que Angela Merkel tenta suprimir as manifestações em Berlim e em toda a Alemanha ex-DDR, de onde ela veio e foi formada pela juventude socialista daquele governo, que era o aliado principal da URSS de Stálin.

E a briga ferrenha: a tentativa de enfiar criancinhas e jovens nas manifestações pró-biodiversidade e assim alavancar o Partido Verde: que é radical extremista de esquerda.
Mas… o Espaço, o islâmico, o islâmico africano, o islâmico árabe… o mundo Islâmico. Dubai é enfiada como a “New” Las Vegas & New York, as propagandas até esportes de inverno incluem africanos e árabes. Não tem um sueco , um alemão, um argentino. Sorry…
Tem no Vaticano, o (Bicho) Papão, o herege Franciscão. E ele nem gritou que Yuri Gagarin era… Cristão, ateu???? Não sei…
Mas agora o “Islâmico foi para o Espaço”
O primeiro islâmico a ir ao espaço em tempos em que se discute a Terra plana!
Que tolinhos… sonham com residências espetaculares envidraçadas no “andar de cima” no melhor estilo do Cartoon “The Jetsons”, ou do cult movie The Fifth Element (O Quinto Elemento).
Um mundo futurista, com transporte voador.
Acordem!
Você não tem nem saneamento básico.
Os corruptos no Rio de Janeiro mantêm esgoto caindo a toneladas no belo mar entre a Zona Sul e a Barra.
Enquanto isso na maior cidade da América Latina…
Na Bat-Sao Paulo, o cara de Pinguim de filme pornô do Batman, Doria, e o menininho Robin Covinhas, o prefeito que viaja enquanto a cidade fica debaixo d’água, se acham gente. Só porque foram a NY e encontraram o Soros.
Helloooo!
São bosta nenhuma na ordem das coisas.
Deve ser por isso que São Paulo tem bosta por todo lado. Gente pelas ruas. Não são desempregados, não. São drogados .
Depois que Dória (na Prefeitura) espalhou a Cracolândia, e nomeou responsável para dar jeito na coisa uma tal Soninha Francine, ex VJ da MTV, amiga da turma da Folha, que se meteu na Política pela via do PSOL-PT-PSDB e a bandidagem ilimitada, o “bostil” foi instituído.
O que a fulana fez?
Se apaixonou por um craqueiro da rua e levou pra casa.
Imagine a nossa cara, nós contribuintes.
Os milhares que viajam horas para cruzar a cidade a procura de emprego ou para ir e vir do trabalho.
Cadê o trem? O metrô? Os ônibus elétricos? Tiraram até o último deles da rua Augusta.
E você “ele não” , se achando: queima museeeeu, queima tudo, inclusive crack, maconha e vamos viajar no espaço. Não!
Eles vão usar os jatinhos e ficar lá do alto vendo todo um povo miserável, doente, esfomeado, lá embaixo.
Não terá conversa de biodiversidade e nem comidinha bio, vegan…
Nós comeremos lixo.
Então…
O primeiro islâmico no espaço…
E mais de dois milhões deles no Brasil.
Dilma acabou com a necessidade de visto.
São donos de shoppings em Roraima, no Pará, mantém escolas islâmicas pelo Brasil e tem células terroristas. Foz do Iguaçu, Belo Horizonte e interior de Minas, pelo caminho do Valerioduto, e ali no Sul, não é tchê?
E viva o primeiro islâmico no espaço.
Um no espaço e milhões na idade da Pedra.
Mulheres apedrejadas, homossexuais enforcados, crianças abusadas: incesto e pedofilia.
Mandem para o espaço os corruptos e todos aqueles que nos enfiaram e insistem em nos manter no buraco.
E isentões, kombistas, “novistas”, lobistas, os que se acham a supremacia interestelar.
Se resolvam, vocês têm antes de tudo um problema de ego: não se bastam.
E esse vazio interior leva a uma busca por vantagens medíocres.
Vocês são medíocres. Saiam do nosso caminho!
Se o povo, perceber que nada pode detê-lo, que a realidade não está no discurso imposto: o mundo será outro.
Em tempo: a página do Die Welt com a manchete sobre o primeiro islâmico no espaço foi tirada do ar. Enquanto houver reação, eles nunca ganharão.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *