26 de maio de 2022
Joseph Agamol

Borboletas

Eu penso que a borboleta é assim, tipo, o Freddie Mercury do reino dos insetos, sabe?

Sério.

Formigas são um pouco Ramones, Metallicas, Stones. Vocês me entendem.

Borboletas não.

Assim como Freddie Mercury, Elton John, David Bowie, borboletas são emissários de alguma terra dourada, de espaço-tempos desconhecidos.

Que vieram com a missão de nos recordar algo que, se um dia soubemos, tivemos o descuido de não guardar na memória:

Que nem tudo precisa ser em branco, preto e cinza.

Quem recebe a visita de uma borboleta recebe um presente em forma de matizes, tons, tintas, resplendor.

Por isso que digo que, para ser Freddie Mercury, só faltaria cantar a uma borboleta.

(Beija-flores são assim também)

Porque somente a alguns é dado o dom de lumiar.

author
Professor e historiador como profissão - mas um cara que escreve com (o) paixão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.