Range Rover SVAutobiography: seu por R$ 1.065.800,00

land_rover-range_rover_sv_autobiography-2016-wallpaperRange Rover SV Autobiography

Tem R$ 1.065.800,00 sobrando na conta? Se você é daqueles para quem lava-jato continua sendo só aquele serviço de limpeza expressa de automóveis com água pressurizada e, honesto, nada tem a temer da Receita Federal, uma boa opção é ir até uma concessionária da Land Rover e encomendar um Range Rover SVAutobiography – não, eu não digitei errado, nem o preço lá em cima, nem o “SVA…”, tudo junto e misturado em uma só aristocrática palavra (há coisa mais chique que nomes com peagá e ípslon, rs?). Depois é esperar uns meses para receber seu novo palácio sobre rodas.

land-rover-range-rover-sv-autobiography-2016-03Range Rover SV Autobiography

Ele vem com motor V8 Supercharged a gasolina da Jaguar, bombado com mais 40cv em relação aos “comuns”, ou seja, dispõe de 550cv (e quase 70 kgfm de torque) para chegar a até 250 km/h e ir de zero a 100 km/h em 5,5 segundos. Isso e mais toda aquela tecnologia Terraine Response da marca, que faz com que dirigir pelos piores caminhos pareça sempre fácil, embora poucos desses carros seja vistos nesses lugares, fora dos comerciais.

l405_16svab_int_loc01_lwb-d_293-160531_1216x684Range Rover SV Autobiography

Por dentro, em vez de cinco, apenas quatro lugares e toda sorte de recursos de conforto – de uma geladeira com dimensões específicas para garrafas de champanhe a ajustes elétricos individuais com apoios de pés, monitores individuais e práticas instalações (mesinha, iluminação e conexões) para os passageiros aproveitarem a viagem trabalhando ou se divertindo. A forração dos bancos em couro é exclusiva, feita à mão, e complementada com o material da moda, a alcântara – irônicamente um material sintético, mas que têm aparência de uma camurça perfeita. A pintura externa, com detalhes em preto, distingue a série “top”.
No vídeo a seguir, uma bela apresentação do SVAutobiography, que foi lançado oficialmente no Salão do Automóvel de Nova York, no ano passado. Se eu compraria um carro desses? Talvez por minha absoluta falta de intimidade com o montante de seu preço, entre os modelos da marca, meu xodó atual seja o Discovery Sport, que tem os mesmos dotes de fora de estrada, praticamente o mesmo espaço interno (mas 7 lugares) e motores a diesel – além de custar um quarto ou menos do preço. Mas meu pensamento, claro, deve ser “coisa de pobre”.

FONTE: REBIMBOCA ONLINE

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *