Ida de Lula à Europa

Foto: Google – Yahoo Notícias
A ida de Lula à Europa por doze dias seria uma das mais bem boladas ações políticas do petismo de resistência. SQN!

Como toda iniciativa hipócrita e cretina, essa também fracassou!

Imaginem se o presidente ‘fascista’ dinamitasse o ‘trem da alegria’ petista e não autorizasse a peregrinação do Paciente pelas democracias europeias.

Imaginem, também, se o autoritário ministro da justiça e da segurança nacional desse uma contraordem à determinação dos resistentes, doutos e ilibados ministros ‘democratas’ do STF, cancelando o passaporte liberado por esses defensores do Paciente.

Imaginem o que diria Celso de Mello! Imaginem a ira discursiva do Gilmar Mendes rebatendo a violência nazifascista.

Infelizmente para a resistência petista que precisa de munição para fazer oposição, o governo fascista não fez qualquer objeção.
Ao contrario, facilitou!

Autorizou que comitiva do Paciente parta do Brasil no sábado (29.fev.2020) com destino à Europa.

A comitiva, além da impichada Dilma Rousseff e do poste Fernando Haddad, agrega mais quatro aspones.

Em mais uma tentativa de ser brutalmente reprimida, ter sua viagem cancelada e mais um escândalo midiático, a Comissão de Despesas Escrotas do PT solicitou ao governo fascista o reforço da comitiva de mais quatro serviçais para carregar malas, guarda-chuvas e baús de lamentações para a corte arruinada voar pelo mundo como heróis da ‘resistência’ democrática em combate feroz contra o fascismo nativo.

Novamente a resistência petista se frustrou!

Recebeu do governo fascista autorização para todas as despesas de embarque desses excedentes do tour dos ressentidos.

Diluiu-se no ar e na fumaça dos jatos, junto com o dinheiro do contribuinte, mais uma oportunidade do petismo resistente mostrar sua cara e confirmar para o mundo que o Brasil está sob o tacão da ditadura.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *