O pré-governo de Bolsonaro

Imagem: Arquivo Google – Ugopoci

Tenho lido todos os dias que Bolsonaro escolheu 22 ministros, sete a mais do que ele pretendia. No entanto, ainda não li que foram 17 a menos do que os 39 atuais. Também não vi uma comparação entre os futuros ministros com os atuais em relação a problemas com a Justiça.
Não são poucas as insatisfações demonstradas por parte da sociedade em relação à formação do Ministério de Jair Bolsonaro. Contudo, por pior que possa parecer, estaremos melhor representados, livres de políticos incompetentes, quando não corruptos, ocupando cargos no Executivo de relevância extrema ao país. As nomeações deixaram claro que a velha política de favorecimento destinada aos amigos do rei chegou ao fim.
Sobre a cerimônia de diplomação do Presidente e seu vice, acho que valem alguns comentários.
Muito sem noção a presidente do TSE (e ministra do Supremo) – Rosa Weber – se achar em condições de dar lição de moral para o presidente eleito durante a cerimônia. Isso só mostra o mundo diferente da realidade do povo em que vivem os membros da nossa Suprema Corte. Pelo visto, ela nem imagina que a grande maioria da sociedade se sente muito mais ameaçada atualmente por algumas decisões tomadas por ela e seus colegas do STF do que por um governo que ainda nem começou.
Qual a moral que um membro do STF tem para cobrar respeito às liberdades, às minorias e ao direito sagrado de discordar do governo? Essa demagogia da ministra é como se a maioria não existisse. Falar é muito bonito, mas precisamos mesmo de atitudes e ações, algo que os ministros do Supremo ainda não fizeram.
A ministra Rosa Weber incorporou o espírito que habita os ministros Lewandowski, Toffoli, Gilmar, Marco Aurélio e Celso de Mello, que os faz se julgarem os mais supremos do Supremo. Ela discursou para o presidente da República como se fosse de uma instituição superior à dele e tivesse autoridade para lhe dar lições e fazer advertências.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *