Ainda vale a pena investir em uma Smart TV Full HD?


Entre em qualquer hipermercado ou loja de eletrodomésticos e você estará cercado por imensas telas com imagens estonteantes em 4K. Não há dúvida de que as telas UHD (Ultra High Definition, Ultra Alta Definição) são o futuro, mas ainda há espaço para as telas Full HD? Será que vale a pena investir em uma em 2019? A resposta é: “depende”. Vamos explicar.
Vai assistir o que?
TV 4K só faz sentido se você tiver conteúdo em 4K à disposição, e ele ainda não é tão abundante assim. Vamos começar pelo nosso sistema de TV aberta, o SBTVD (Sistema Brasileiro de TV Digital): a resolução máxima prevista para o sinal é de 1920 x 1080 pixels a 60 quadros por segundo (60 FPS). Se você assiste principalmente TV aberta, estará bem servido com uma TV Full HD.
5 dicas essenciais para comprar uma Smart TV 4K sem gastar muito
OLED ou QLED: qual é a melhor tecnologia de tela para Smart TVs 4K?
Dolby Vision ou HDR10: qual tecnologia não pode faltar em uma Smart TV 4K?
A mesma coisa pode ser dita para TV a cabo: as operadoras transmitem em HD ou Full HD. Filmes em DVD? A resolução nativa é de apenas 720 x 480 pixels, menor que HD. Blu-ray? A resolução também é “apenas” Full HD. Sim, existem discos e players Blu-Ray com suporte a 4K, mas se você tem um destes, provavelmente já tem também uma TV 4K.

TVs 4K são a tendência do momento / © AndroidPIT

Jogar? O PlayStation 4 e Xbox One também tem saída de vídeo em Full HD. Se você quiser jogar em 4K vai ter que investir em um PS4 Pro ou um XBox One X, modelos mais recentes e mais caros.
A principal fonte de conteúdo em 4K no momento são os serviços de streaming, como o Netflix e Amazon Prime. Mas aí você vai precisar de uma conexão capaz de sustentar ao menos 25 Mb/s (recomendação da Netflix). Menos que isso, e você terá que se contentar com o Full HD.
Por fim, você precisa levar em conta o tamanho da tela. A diferença de qualidade entre uma tela Full HD e uma 4K em uma tela de 40” é muito pequena, por isso a 4K começa a fazer mais sentido em telas de 50” ou mais.
Resumindo: se você ainda assiste principalmente TV aberta ou a cabo, DVD, Blu-ray ou não tem uma conexão à internet rápida o bastante, não terá muito benefício investindo em uma TV 4K. Nesses casos, um modelo Full HD ainda te atenderá perfeitamente.
A questão do preço
Se a diferença de preço entre uma TV Full HD e um modelo similar com tela 4K for pequena, pode valer a pena investir uma graninha extra e já se preparar para o futuro. E esta diferença está cada vez menor: fazendo uma pesquisa rápida na internet, encontrei Smart TVs LCD Full HD de 40” por cerca de R$ 1.200, e modelos de mesmo tamanho com telas 4K por apenas R$ 200 a mais. Se você parcelar a compra em 10x, a diferença é de apenas R$ 20 mensais, ou seja, praticamente nula.

TCL 32S6500S: Android TV Full HD com HDR / © TCL

Obviamente, tamanho e resolução da tela não são as únicas coisas que importam. Tecnologias como HDR podem melhorar drasticamente a qualidade de imagem, e um sistema operacional versátil, como o Android TV, é mais versátil e atraente do que algumas alternativas proprietárias encontradas em modelos de baixo custo. Uma TV Full HD bem equipada pode ser melhor negócio do que aquela TV 4K “baratinha”.
E você, pretende comprar uma TV 4K, ou está satisfeito com seu modelo Full HD?
Fonte: Androidpit

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *