A vitamina D e o Coronavírus

Antes de qualquer coisa gostaria de deixar alguns pontos bem claros.

📌O que fixa a vitamina D é UVB.
📌De expor ao sol entre 10:00 e 15:00 h.
📌No RJ pela incidência do Sol, entre 11:00 e 14:00 horas.
📌Entre 15 a 20 minutos.
📌Exposição de uma parte do corpo.
📌Sem nenhum tipo de proteção

🟡A vitamina D é um hormônio esteroide lipossolúvel essencial para o corpo humano e, sua ausência, pode proporcionar uma série de complicações.

Afinal, ela controla 270 genes, inclusive células do sistema cardiovascular.

🟡A principal fonte de produção da vitamina se dá por meio da exposição solar, pois os raios ultravioletas do tipo B (UVB) são capazes de ativar a síntese desta substância.

🟡Alguns alimentos são fontes de Vitamina D, mas é o sol o responsável por 80 a 90% da vitamina que o corpo recebe. Ela também pode ser produzida em laboratório e ser administrada na forma de suplemento, quando há a deficiência e para a prevenção e tratamento de uma série de doenças.

🟡Com o aumento dos casos de coronavírus no Brasil e no mundo, a vitamina D tem sido um assunto muito discutido entre as pessoas. Há estudos que revelam o potencial da vitamina D para o sistema imunológico e proteção contra doenças respiratórias.

No entanto, o Ministério da Saúde afirma que ainda não há comprovação dos efeitos da vitamina D na prevenção do vírus.

🟡Esta substância ainda age na secreção hormonal e em diversas doenças crônicas não transmissíveis, entre elas a síndrome metabólica que tem como um dos componentes o diabetes tipo 2.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *