Mônica Sayão
Designer de viagens, cria roteiros e leva grupos desde 2007 em tours personalizados pelo mundo. Arquiteta, depois de 30 anos de carreira, deixou de lado sua profissão para seguir sua paixão maior: o turismo. Instagram: @monicasayaoviagens

Salta, la Linda

Natureza deslumbrante! (Fonte: Mônica Sayão) “Salta, la linda”… Foi assim que fui apresentada a esta cidade do noroeste da Argentina, próxima da fronteira com o Chile. Nunca havia ouvido falar…

Continuar Lendo

O Arquipélago de Malta

1 – Geografia e História se misturam: Vista da outra margem do grande canal, a partir de Valletta, onde estão Cospicua , Birgu e Senglea, entre outras cidades vizinhas (Fonte:…

Continuar Lendo

Gordices de Paris

Quem me conhece sabe o quanto sou gulosa, principalmente em relação a doces, diga-se de passagem. É herança familiar, já que venho de família de doceiras de Campos dos Goytacazes,…

Continuar Lendo

Nuremberg, outra joia na Bavaria

Lindas construções ao longo do rio Pegnitz. (Fonte: Mônica Sayão) Nuremberg é uma das mais interessantes cidades da Alemanha. Fundada na Idade Média, teve o auge do seu crescimento nos…

Continuar Lendo

Bamberg: uma joia na Bavária

A Bavaria é o maior estado alemão e certamente um dos mais ricos. Aliás, aqui cabe uma explicação: Bavaria é a palavra usada pelos alemães e Baviera pelos brasileiros, que…

Continuar Lendo

As cidades coloniais mexicanas

Capilla do Rosário em Puebla. (Fonte: Mônica Sayão) Em termos de turismo, a gente normalmente associa o México à praias de areia clara e lindo mar azul do Caribe, às…

Continuar Lendo

Cascais, um lugar pra chamar de seu… ou de meu! (parte 2 – final)

No post anterior, mostrei o centro de Cascais e terminei mostrando o pôr do sol a partir da Boca do Inferno. Vamos continuar nosso passeio por esta região tão encantadora,…

Continuar Lendo

Cascais, um lugar pra chamar de seu… ou de meu! (parte 1)

Lá venho eu de novo com parte 1 e 2 nos meus textos. Sou uma entusiasta dos lugares que conheço e gosto, então caro leitor, peço sua paciência! Pelo título…

Continuar Lendo

Dresden – a pérola do Rio Elba (parte II – final)

Sei que o Natal já passou. Aliás, se a gente der uma cochilada, o carnaval terá passado também. Mas meu post sobre Dresden não estaria completo sem falar sobre as…

Continuar Lendo

Dresden – A pérola do Rio Elba (parte I)

Ela é mais conhecida como a “Florença do rio Elba”, mas eu prefiro chamá-la de a “Pérola do rio Elba” – não importa, Dresden é absolutamente maravilhosa. Florença não me…

Continuar Lendo